terça-feira, 8 de abril de 2008

Primeira banda de ska da Jamaica lança DVD gravado no Brasil

'Arena' mostra apresentação do Skatalites em SP em maio do ano passado.Grupo faz mais um show nesta terça no clube Inferno, na capital paulista.

Se existe algo notável em uma apresentação dos Skatalites, é que é praticamente impossível ficar parado. Primeira orquestra de ska da Jamaica surgida em uma espécie de reformatório (Alpha Boys School), o grupo, que se apresenta nesta terça (8) em SP, deu uma verdadeira aula de história em sua primeira passagem pelo Brasil, em maio do ano passado. Gravado no teatro do Sesc Pompéia, o DVD "Arena", lançado agora pela Radiola Records, registra momentos catárticos – no palco e na platéia.

A banda, que abriu espaço na cultura jamaicana para o surgimento do reggae, fez fãs dançarem e entoarem hinos instrumentais como o tema de James Bond ou clássicos como "Occupation" e "Guns of Navarone".
Verdadeira primeira-dama do ska, a cantora Doreen Shaffer, integrante da formação original, dá brilho a pérolas jamaicanas, a exemplo de "Sugar sugar" e "Simmer down", essa última gravada originalmente por Bob Marley and The Wailers. "When I fall in love", grande momento da apresentação, ficou de fora do DVD.

O saxofonista Lester Sterling e o baterista Lloyd Knibbs, com seu chapeuzinho estiloso, são outros dois dos integrantes originais. Completam a banda o trombonista Vin Gordon, o saxofonista Karl Brian, o guitarrista Devon James, o baixista Val Douglas, o tecladista Ken Stewart e o trompetista Kevin Batchelor, um dos mais performáticos. Integrante da ala mais jovem da orquestra, ele tem fôlego para tocar e improvisar coreografias.

Sem invencionices de edição, o vídeo vai direto ao ponto. A simplicidade privilegia a música e mantém o foco na (excelente) performance da banda. Ao final, no entanto – depois de uma demonstração surpreendente de "beatbox" e uma invasão do palco, com todos dançando juntos – fica a vontade de saber mais sobre aqueles músicos tão carismáticos.

Os extras têm três faixas: "Confucious" e "Freedom sound", além de uma outra intitulada "Shouting", que mostra a balbúrdia da platéia ao se deparar, tão de perto, com a banda lendária. Não há uma entrevista sequer ou cena de bastidor para suprir a carência dos mais curiosos. Neste ponto é preciso lembrar como os jamaicanos não são nada convencionais – e se convencer de que "Arena" conserva a aura misteriosa que cerca os Skatalites.

Nenhum comentário: