quarta-feira, 28 de maio de 2008

Formação clássica do Pink Floyd pode se reunir novamente, diz David Gilmour

O guitarrista David Gilmour não descarta a possibilidade de mais um show da formação clássica do Pink Floyd, conforme declaração ao site da rádio 6 da BBC de Londres. Segundo o músico, a banda que um dia foi formada por Roger Waters (baixo e vocais), David Gilmour (guitarra e vocais), Rick Wright (teclados e vocais) e Nick Mason (bateria) ainda pode se reunir futuramente para alguma apresentação eventual, mas a possibilidade de uma turnê ou atividades de longa duração é remota.

O músico também ressaltou que, devido à idade avançada, conquistou o direito de parar para refletir um pouco, antes de decidir sobre os próximos rumos de sua carreira.

Surgido na efervescência do cenário psicodélico londrino dos anos 60, o Pink Floyd é um dos principais grupos da história do rock e já lançou álbuns clássicos como "Ummagumma" (1969), "Dark Side of the Moon" (1973) e "The Wall" (1979), entre outros.

Waters deixou o Pink Floyd no começo dos anos 80 e em 1986 tentou abrir um processo contra os ex-colegas. Liderado por David Gilmour, o grupo alcançou grande popularidade ao revisar seu repertório com lançamentos ao vivo -- como "Delicate Sound of Thunder" (1988) e "Pulse" (1995) -- e também com eventuais trabalhos de inéditas, como "A Momentary Lapse of Reason" (1987), "The Division Bell" (1992), entre outros.

A única vez que a formação clássica da banda se reuniu foi em 2005 no Live 8, em Londres. Em 2007, os integrantes do Pink Floyd se apresentaram em Londres em um show de tributo ao fundador do grupo, Syd Barrett, morto em 2006, mas o baixista Roger Waters optou por fazer uma apresentação à parte.

Nenhum comentário: