terça-feira, 24 de fevereiro de 2009

"Hippie", Daniela protesta por espaço às músicas do gueto


A apresentação de Daniela Mercury no trio Crocodilo, nesta segunda-feira no circuito Barra-Ondina do Carnaval de Salvador, foi marcada por um protesto enfático da cantora, que apareceu com um figurino semelhante ao movimento hippie, pedindo maior espaço para músicas do gueto e vindas das classes mais pobres.

Antes de iniciar as suas reivindicações, a cantora interpretou Alegria Alegria com uma batida mais pesada e chegou a colocar a cabeça entre as grades do trio e dizer: "libertem-se".

Em seguida, ela iniciou seu protesto. "Estou fazendo uma manifestação musical. As músicas vindas do gueto não são reconhecidas, não tem espaço na mídia. Eles têm músicas lindas, belas, maravilhosas, extraordinárias e renovadoras. Tanto quanto as atuais", disse.

"Está acontecendo um movimento lindo do pagode representando a música baiana. Na arte não tem que ter preconceito, tem que ter sensibilidade", disse Daniela, cantando durante sua fala trechos da canção Sou Favela, do grupo Parangolé.

A cantora seguiu com seu manifesto. "Trio em transe, a louca vai fazer uma canção, que fala bem disso... Ninguém é cachorro não. Todos têm de ser reverenciados".

Daniela Mercury trouxe músicas dos anos 60 e 70 na apresentação desta segunda-feira. Do tropicalismo, a Tim Maia, Raul Seixas e Jorge Benjor.

Na sua apresentação, ela cantou músicas como Dancing Days, sucesso das Frenéticas, País Tropical e Taj Mahal (Jorge Benjor), Sossego (Tim Maia) e Tropicália (Caetano Veloso).

Também foram lembrados os clássicos de Moraes Moreira feitos para o carnaval da Bahia, como Chão da Praça, Bloco do Prazer e Chame Gente.

Como convidadas, Daniela terá as cantoras Simone Sampaio e Paula Lima.

O encontro que ela tinha previsto com Gilberto Gil quase não aconteceu porque o cantor se atrasou para chegar à sua Varanda Elétrica. Quando ele chegou ao local, o trio de Daniela já estava alguns metros à frente.

Depois de pedidos de desculpas, ele recebeu um microfone do trio e os dois cantaram juntos Madalena, de Gilberto Gil. Ele fez uma performance empolgada que arrancou aplausos do público.

Em seguida, Daniela ainda sugeriu cantar Domingo no Parque com Gil, mas ele disse que não estava preparado. Em tom de brincadeira, ela afirmou: "vocês escrevem essas letras e depois não lembram mais, né?"

Por Celso Paiva e Vagner Magalhães
Foto: Antônio Reis
Fonte: Terra

Nenhum comentário: