segunda-feira, 20 de abril de 2009

Roberto Carlos faz show para 12 mil pessoas em cidade natal

Para celebrar seus 50 anos de carreira, Roberto Carlos lotou o Estádio do Sumaré em Cachoeiro de Itapemirim, sua cidade natal no Espírito Santo, para abrir esta turnê comemorativa.

Com a expectativa de que 12 mil pessoas acompanhassem a apresentação, os ingressos disponibilizados foram todos esgotados antes do show. O cantor não se apresentava em sua cidade natal há 14 anos.

Prevista para às 20h, a apresentação sofreu um atraso e Roberto Carlos subiu ao palco somente às 20h50. Depois de um arranjo instrumental, o cantor abriu o show com Emoções e emendou Além do Horizonte.

O show

A expectativa de mais de 14 anos terminou exatamente às 20h50 deste domingo, quando o "rei" Roberto Carlos subiu ao palco montado no Estádio do Sumaré, em Cachoeiro de Itapemirim, para o show de abertura da turnê mundial de comemoração dos 50 anos de carreira. Após uma leve introdução instrumental, o rei assumiu o comando do espetáculo, com a música Emoções.

O público de mais de 12 mil pessoas que lota o estádio acompanhou cada verso da canção. Após Emoções, Roberto Carlos agradeceu a presença de todos e afirmou que sentia a mesma alegria de quando começou a se aventurar pelo mundo da música, nos programas infantis da rádio Cachoeiro.

Depois de declarar seu amor à cidade, o cantor deu prosseguimento ao show, com a música Além do Horizonte. O set list completo tem ainda Amor Perfeito, Te Amo, Te Amo, Te Amo, Detalhes (executada apenas em voz e violão pelo próprio Roberto), Outra Vez e Meu Pequeno Cachoeiro. A canção, quase um hino do município, foi acompanhada em coro pelo público, que se emocionou com a interpretação de Roberto Carlos.

O cantor desembarcou no aeroporto de Cachoeiro de Itapemirim às 17h05 deste domingo (19) para a realização de um show histórico em sua cidade natal. Recebido por cerca de 1,2 mil pessoas no aerporto, entre elas alguns sósias e covers, Roberto seguiu do aeroporto direto para o Hotel San Carlo, onde ficou recolhido em uma suíte especialmente reformada para recebê-lo. O rei chegou vestido com uma camisa azul e de calça jeans e exibindo um corte de cabelo mais curto que o habitual

"Eu não sei ser rei, eu só sei cantar", declarou Roberto Carlos, durante a rápida conversa com jornalistas no saguão do aeroporto.

O cantor fez uma pausa na apresentação e se dirigiu ao público. "Esta parte do show é complicada para mim, porque eu falo de tudo que aconteceu comigo e da minha infância", afimrou Roberto, visivelmente emocionado, antes de interpretar um "pout-porri" de clássicos de seu repertório com as músicas Aquela Casa Simples, Meu Querido, Meu Velho, Meu Amigo e Lady Laura.

Perto dele, na segunda fila, os filhos de Roberto Carlos acompanhavam também emocionados o espetáculo. Dudu Braga, sempre simpático e atencioso, falou da importância de estar presente num momento tão importante, dia do aniversário do pai e comemoração dos 50 anos de carreira. "Ele merece cada segundo dessa alegria", afirmou Dudu.

Por Alex Cavalcanti
Direto de Cachoeiro de Itapemirim
Fonte: Terra

Nenhum comentário: