quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Agenda Realizada D.J. David e Equipe - Setembro - 2010




Setembro - 2010

* 03/09 - Locação de iluminação e estrutura para o show do Café com Blues no Centro de Cultura, Vit. da Conquista - Ba
* 04/09 - Cerimônia e festa do casamento de Jorge & Carla no Sonho de Ícaro, Vit. da Conquista - Ba
* 04/09 - Níver de 15 anos de Ayumi no salão do Senac, Vit. da Conquista - Ba
* 06/09 - Festa de casamento de Lucio & Renata em residência, Vit. da Conquista - Ba
* 11/09 - Níver de 15 anos de Nicole no Mediterrâneo Eventos, Vit. da Conquista - Ba
* 11/09 - Níver de 15 anos de Yasmin no salão de festas do bem querer, Vit. da Conquista - Ba
* 18/09 - Estrutura completa com a equipe do DeeJay David no Clube Social, Vit. da Conquista - Ba
* 18/09 - Festa de casamento de Danilo & Mariana no salão Bells Eventos, Itapetinga - Ba
* 19/09 - Níver de 01 aninho de Yasmin na Casa rafick, Vit. da Conquista - Ba
* 21/09 - Sonorização, iluminação dmx e estrutura no fórum do EJT no Centro de Cultura, Vit. da Conquista - Ba
* 23/09 - Boate com DeeJay David na Temakeria da Olívia, Vit. da Conquista - Ba
* 23/09 - Inauguração da loja Ponte Aérea no Shopping Conquista Sul, Vit. da Conquista - Ba
* 23/09 - Sonorização do jantar de adesão de Waldenor e José Raimundo no Rafick, Vit. da Conquista - Ba
* 24/09 - Níver de 40 anos de Claudio no salão de festas do bem querer, Vit. da Conquista - Ba
* 25 e 26/09 - Evento do Educandário Padre Gilberto "Bahia de Todas as Cores", Vit. da Conquista - Ba
* 25/09 - Festa de formatura de medicina da UESB no Mediterrâneo Eventos, Vit. da Conquista - Ba
* 28/09 - Sonorização no evento da Igreja das candeias, Vit. da Conquista - Ba

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Fãs podem escolher repertório do próximo disco da Legião Urbana

Os fãs da Legião Urbana já podem escolher as músicas do próximo disco da banda. O álbum, ainda sem título definido, será lançado em novembro pela gravadora EMI.

Aqueles que quiserem participar da escolha do repertório tem até a próxima quinta-feira (30) para votar nas músicas preferidas no Portal da Legião Urbana, no site www.legiaourbana.com.br é preciso ser cadastrado para participar.

São 40 músicas disponíveis na lista, entre clássicos como "Pais e Filhos", "Será", "Monte Castelo, "Andrea Doria", "Giz", "Hoje A Noite Não Tem Luar" e "Eu Sei". Os fãs podem escolher 12 faixas e a ordem delas no álbum. As canções mais votadas entrarão no disco. Os participantes vão concorrer a CDs autografados por Dado Villa-Lobos e Marcelo Bonfá.

O Portal da Legião Urbana foi lançado em junho deste ano com a intenção se ser um canal interativo para que os fãs possam trocar material sobre a banda. O site reúne vídeos, fotos, músicas e informações básicas sobre o grupo.

Fonte: Uol

Ingressos para show de Black Eyed Peas em Salvador estão à venda

Os ingressos para o show que o Black Eyed Peas vai fazer em Salvador no dia 19 de outubro começam a ser vendidos nesta terça-feira (28). A apresentação da banda será no Parque de Exposições e terá abertura do Timbalada. A capital baiana é a última das nove cidades a abrir a venda de ingressos --na quinta-feira (23) foi a vez de Florianópolis.

Para o show de Salvador as entradas custam R$ 50 (pista), R$ 250 (espaço premium), R$ 350 (camarote) e R$ 400 (espaço golden), todos no lote promocional. Os ingressos estarão à venda Shopping Iguatemi Salvador (Loja Black Eyed Peas no 3º piso), pelo site www.livepass.com.br e pelo telefone 4003-1527.

Fonte: Uol

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Fresno vai abrir os shows de Bon Jovi no Brasil

A organização dos shows do Bon Jovi no Brasil em outubro anunciou nesta quarta-feira (22) que a banda gaúcha Fresno vai abrir as duas apresentações do grupo americano no país.

A banda liderada por Jon Bon Jovi toca em São Paulo no dia 6 de outubro, no estádio do Morumbi, e no Rio de Janeiro no dia 8, na Praça da Apoteose.

Os ingressos para o show no Rio custam R$ 250 (pista normal) e R$ 600 (pista premium), com direito à meia-entrada para estudantes e maiores de 60 anos Em São Paulo, as entradas variam entre R$ 160 a R$ 600, também com direito à com meia-entrada.

Liderada pelo vocalista Jon Bon Jovi, a banda não toca no Brasil há 15 anos, e atualmente está em turnê com seu novo álbum, "The Circle". Os shows divulgado no 11º disco do grupo começaram em fevereiro deste ano. A banda deve fazer 135 apresentações em 30 países de cinco continentes.

Bon Jovi no Brasil

São Paulo
Quando: 6 de outubro, às 21h
Onde: Estádio do Morumbi - Praça Roberto Gomes Pedrosa, nº 1
Quanto: entre R$ 160 e R$ 600, com direito à meia-entrada
Informações: www.ticketsforfun.com.br / (11) 2846-6232

Rio de Janeiro
Quando: 8 de outubro, às 21h
Onde: Praça da Apoteose - R. Marques de Sapucaí , s/nº
Quanto: entre R$ 250 e R$ 600, com direito à meia-entrada
Informações: www.ticketsforfun.com.br / (11) 2846-6232

Fonte: G1

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Michael Jackson terá mundo virtual na internet

Los Angeles - A empresa de entretenimento See Virtual Worlds firmou um acordo com os gerentes do legado de Michael Jackson para criar o "Planet Michael", um mundo virtual dedicado à figura do rei do pop e aos seus fãs, informou a companhia nesta terça-feira (21).

O projeto consistirá em dar vida a um universo interativo relativo ao cantor, no qual os membros, através de avatares, poderão viajar por diferentes fases da vida e da música de Michael Jackson.

"Michael sempre estava explorando novas formas criativas de usar a tecnologia para melhorar as experiências de seus 'admiradores'. Estamos entusiasmados por estar trabalhando com a See Virtual Worlds para construir uma experiência global interativa adequada a um artista tão inovador como Michael Jackson", comentou John McClain, um dos gestores do fundo fiduciário do cantor.

O "Planet Michael" será o primeiro mundo virtual dedicado exclusivamente ao rei do pop e incluirá música, moda, danças, estilo de vida e atividades filantrópicas realizadas pelo artista.

As localizações do "planeta" vão girar em torno de algumas das canções do artista, de forma que a parte dedicada a "Scream", por exemplo, terá aspecto futurista.

O software do programa terá download gratuito e não haverá cotas de assinatura, embora o See Virtual World espere rentabilizar o "Planet Michael" mediante a venda de produtos virtuais, como ocorre em mundos similares, como o "Second Life".

A caracterização e as habilidades dos personagens dos usuários, que poderão realizar o famoso "moonwalk", dependerão da compra dessas "qualidade". Ainda assim, os avatares vão precisar de roupas e comida, que, apesar de virtual, terão custo real.

Fonte: Agência EFE/Uol

Pet Shop Boys lança em novembro coletânea e novo DVD ao vivo

O Pet Shop Boys vai lançar no dia 1º de novembro a coletânea "Ultimate Pet Shop Boys" com 19 músicas em ordem cronológica, começando pelo single "West End Girls" (1984) até "Love Etc" (2009). As faixas serão anunciadas em breve pelo duo Neil Tennant e Chris Lowe.

O disco será acompanhado por um DVD com o show completo da dupla no festival Glastonbury deste ano, além da apresentação de três horas na rede BBC de televisão, a maioria delas para o programa "Top Of The Pops".

No início deste ano, o Pet Shop Boys lançou o CD e DVD ao vivo na O2 Arena de Londres, durante a turnê "Pandemonium", que veio ao Brasil em outubro do ano passado, divulgado o disco "Yes" (2009).

Veja as faixas da apresentação na BBC:

"West End Girls" (Recorded for BBC 1's Top Of The Pops)
"Love Comes Quickly" (Recorded for BBC 1's Top Of The Pops)
"Opportunities (Let's Make Lots Of Money)" (Recorded for BBC 2's Whistle Test)
"Suburbia" (Recorded for BBC 1's Top Of The Pops)
"It's A Sin" (Recorded for BBC 1's Top Of The Pops)
"Rent" (Recorded for BBC 1's Top Of The Pops)
"Always On My Mind" (Recorded for BBC 1's Top Of The Pops)
"What Have I Done To Deserve This?" (Recorded for The Brits Awards)
"Heart" (Recorded for BBC 1's Wogan)
"Domino Dancing" (Recorded for BBC 1's Top Of The Pops)
"Left To My Own Devices" (Recorded for BBC 1's Top Of The Pops)
"So Hard" (Recorded for BBC 1's Wogan)
"Being Boring" (Recorded for BBC 1's Top Of The Pops)
"Can You Forgive Her?" (Recorded for BBC 1's Top Of The Pops)
"Liberation" (Recorded for BBC 1's Top Of The Pops)
"Paninaro '95" (Recorded for BBC 1's Top Of The Pops)
"A Red Letter Day" (Recorded for BBC 1's Top Of The Pops)
"Somewhere" (Recorded for BBC 1's Top Of The Pops)
"I Don't Know What You Want But I Can't Give It Anymore" (Recorded for BBC 1's Top Of The Pops)
"New York City Boy" (Recorded for BBC 1's Top Of The Pops)
"You Only Tell Me You Love When You're Drunk" (Recorded for BBC 1's Top Of The Pops)
"Home And Dry" (Recorded for BBC 1's Top Of The Pops)
"I Get Along" (Recorded for BBC 2's Top Of The Pops 2)
"Miracles" (Recorded for BBC 1's Top Of The Pops)
"Flamboyant" (Recorded for BBC 1's Top Of The Pops)
"I'm With Stupid" (Recorded for BBC 1's Top Of The Pops)

Fonte: Uol

Mariah Carey vai lançar segundo disco de músicas natalinas

Mariah Carey tem um novo disco de músicas natalinas para lançar. "Merry Christmas II You" vai sair no dia 2 de novembro, 16 anos após o lançamento de seu primeiro projeto voltado a canções de Natal.

O novo trabalho traz interpretações de canções tradicionais, como "Little Drummer Boy", "The First Noel", "O Little Town of Bethlehem" e "O Come All Ye Faithful", entre outras. O repertório inclui ainda quatro faixas inéditas de composição de Mariah, entre elas o single "Oh Santa".

Entre os produtores do álbum estão Randy Jackson (jurado do programado "American Idol"), Jermaine Dupri, James Poyser e Marc Shaiman. Seu primeiro álbum de Natal, "Merry Christmas" (1994), já vendeu mais de 12 milhões de cópias.

"Merry Christmas II You" é o 13º trabalho de estúdio de Mariah, que esteve no Brasil em agosto deste ano como atração exclusiva da Festa do Peão de Barretos. Seu último disco é "Memoirs Of An Imperfect Angel" (2009).

Fonte: Uol

Mostra Cinema Conquista

Durante cinco dias, Vitória da Conquista recebe a nova safra do cinema contemporâneo nacional e será espaço para debates sobre a sétima arte

Em sua 6ª edição, a Mostra Cinema Conquista - Um olhar para o novo cinema consolida-se como um dos mais importantes encontros dedicados ao audiovisual na Bahia. Desde 2004, o evento insere Vitória da Conquista no circuito nacional de mostras e festivais e oferece, além da exibição de filmes, atividades de formação e discussão sobre a produção, circulação e consumo do audiovisual.

Nesta edição, que acontece de 05 a 09 de outubro de 2010, serão exibidos um total de 50 filmes de diferentes formatos e gêneros: 13 longas-metragens, 24 curtas-metragens e 13 vídeos baianos. O destaque é para a recente produção nacional e sua diversidade de temas e abordagens. As sessões, abertas para toda a comunidade, acontecem em vários pontos da cidade: no Centro de Cultura Camilo de Jesus Lima, na Quadra Esportiva da Vila Serrana II e em praças públicas dos bairros Alto Maron, Jurema, Kadija e Urbis V.

Além das sessões de cinema, o público também vai poder participar de oficinas, conferências, curso, exposições temáticas e lançamentos de livros e revistas. Já está confirmada a participação de profissionais do cinema e do audiovisual, pesquisadores e gestores, vindos da Bahia e de outros estados. As atividades acadêmicas serão realizadas na Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia. Assim como nas outras edições da Mostra Cinema Conquista – Um olhar para o novo cinema, toda a programação é inteiramente gratuita.

A Mostra Cinema Conquista - Ano 6 é uma realização da Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista e da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo e da Pró-reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários, e tem como co-realizadora a Casa da Cultura de Vitória da Conquista. Tem como patrocinadores o Ministério da Cultura – Secretaria do Audiovisual, por meio do Fundo Nacional da Cultura, e o Governo do Estado da Bahia – secretarias da Fazenda e da Cultura, através do Fundo de Cultura da Bahia. Conta com o apoio institucional do Instituto de Radiodifusão do Estado da Bahia- Irdeb, da Diretoria Audiovisual- Dimas, da Associação Baiana de Cinema e Vídeo- ABCV e da Fundação Cultural do Estado da Bahia- Funceb.

Fonte: Secom - PMVC

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Lady Gaga e Katy Perry lideram indicações ao EMA 2010

Grandes destaques da música pop de 2010, Lady Gaga e Katy Perry devem ser os grandes destaques do Europe Music Awards, promovido pela MTV. O anúncio da emissora coloca as cantoras disputando quatro categorias cada uma.

As americanas irão concorrer aos prêmios com nomes como Eminem, Rihanna, Shakira e Miley Cyrus. Fora das categorias mais populares, a disputa fica entre Gorillaz, Gossip, Paramore, Vampire Weekend e Arcade Fire, que disputam o prêmio de Melhor Grupo Alternativo.

A premiação acontece no Caja Magica, em Madri, na Espanha, no dia 7 de novembro. Até agora, já foram confirmados os shows de Katy Perry e Linkin Park na cerimônia.

Confira os indicados:

Melhor Alternativo
Gorillaz
Gossip
Paramore
Vampire Weekend
Arcade Fire

Melhor Hip Hop
T.I. Eminem
Kanye West
Lil Wayne
Snoop Dogg

Melhor Música
Usher - OMG
Katy Perry feat. Snoop Dogg - California Gurls
Eminem feat. Rihanna - Love the Way You Lie
Rihanna - Rude Boy
Lady Gaga - Bad Romance

Melhor Cantora
Lady Gaga
Katy Perry
Miley Cyrus
Shakira
Rihanna

Melhor Clipe
Thirty Seconds to Mars - Kings and Queens
Katy Perry - California Gurls
Lady Gaga feat. Beyonce - Telephone
Plan B - Prayin'
Eminem feat Rihanna - Love the Way You Lie

Melhor Show do World Stage
Green Day
Muse
Thirty Seconds to Mars
Katy Perry
Gorrilaz

Melhor Grupo de Rock
Kings Of Leon
Linkin Park
Thirty Seconds to Mars
Muse
Ozzy Osbourne

Melhor Pop
Lady Gaga
Usher
Katy Perry
Miley Cyrus
Rihanna

Melhor Show
Bon Jovi
Lady Gaga
Muse
Kings of Leon
Linkin Park

Melhor Cantor
Eminem
Justin Bieber
Usher
Enrique Iglesias
Kanye West

Revelação
Ke$ha
B.o.B Jason Derulo
Plan B
Justin Bieber

Foto: AFP
Fonte: Terra

Em grande estilo, Scorpions faz turnê de despedida!


Em janeiro deste ano, o lendário grupo de hard rock alemão, Scorpions, anunciou que iria se aposentar, fazendo sua última excursão e promovendo aquele que seria, também, seu derradeiro álbum: Sting in the Tail; lançado em março deste ano, o disco agradou em cheio aos fãs, por trazer a banda em grande estilo.

Formado em 1969, em Hanover, por iniciativa do guitarrista Rudolf Schenker, o grupo lançou em 1972, seu primeiro disco, Lonesome Crow. Agora, depois de milhões de discos vendidos em todo o mundo e quarenta nos de estrada, o grupo formado pelos músicos Klaus Meine (vocal), Rudolf Schenker (guitarra), Matthias Jabs (guitarra), Pawel Maciwoda (baixo) e James Kottak (bateria), conseguiu uma tarefa difícil: lançar um disco vigoroso, que está longe de parecer algo de um dinossauro preguiçoso; este fato diferencial foi o ponto de partida da ideia da aposentadoria, que surgiu do próprio empresário, após ouvir o novo disco, dizendo que este disco fantástico seria ideal para encerrar a carreira da banda no ponto alto.

Dito e feito; anunciado como um álbum de enorme impacto e uma turnê que seria espetacular, depois do seu início em maio deste ano, os shows têm cumprido o prometido e agradado, trazendo esses sessentões em plena forma. Na “Get your Sting and Blackout World Tour”, o grupo se mantém fiel ao hard rock, sabendo mesclar rocks emblemáticos com baladas que frequentam qualquer tipo de rádio, tornando o grupo o mais bem sucedido da Alemanha.

A noite deste sábado, em São Paulo, estava propicia para um nostálgico show de despedida; o vento frio e uma garoa castigavam os milhares de fãs em fila, esperando a abertura da casa (que foi por volta de nove da noite), mas aquela agonia da espera logo terminou aos primeiros acordes da banda no palco; a ansiedade foi trocada pela energia e empatia do público, que mostrava preferir esquecer que aquilo era uma despedida, pelo contrário, era uma noite de alta excitação. Depois, o grande lado positivo de um show como o do Scorpions é que ninguém estava nessa plateia como um neófito ou por modismo, aquilo era comprometimento e paixão. Então, hits, baladas e o bom repertório do mais recente disco, compõem o formato infalível desta tour, que tem previsão de dois anos e meio, resultando, também, em um DVD.

Enfim, com tanta energia sobrando, quem sabe não haja mais alguma surpresa até o fim da turnê; os fãs, que já estão contentes, agradeceriam!

Fonte: Blog do Maia/Uol
Fotos: Alex Almeida/UOL

Fonte: Uol

sábado, 18 de setembro de 2010

Mestre da guitarra Jimi Hendrix é homenageado nos 40 anos de sua morte

Sua carreira nos palcos com "The Experience" durou apenas quatro anos, mas ele deixou a lembrança de um artista genial: Jimi Hendrix, considerado o maior guitarrista de todos os tempos, recebe várias homenagens nos 40 anos de sua morte.

No dia 18 de setembro de 1970, aos 27 anos, o "guitar hero" morreu afogado no próprio vômito em um quarto de hotel, depois de ingerir um coquetel mortal de soníferos e vinho tinto.

Nascido em Seattle, ele deixou os Estados Unidos quatro anos antes de sua morte para viver na Grã-Bretanha, dando o grande salto de sua carreira efêmera, que marcou fortemente a história da música, com o grupo "The Jimi Hendrix Experience", que emplacou sucessos antológicos como "Hey Joe", "Purple Haze" ou "All Along the Watchtower".

Quatro décadas depois, vários eventos são organizados em sua homenagem: uma exposição de fotografias em Paris, um livro composto de instantâneos tirados por Gered Mankowitz, seu apartamento de Londres de portas abertas por dez dias, um 'box' com mais de quatro horas de música, entre outros.

"Jimi Hendrix ainda é tão popular porque ele é a representação da fórmula 'sexo, drogas e rock n'roll'. Mas não estou certo se hoje ele teria esse status se ainda estivesse vivo. Como dizem, 'um bom herói é um herói morto'", explicou à AFP Yazid Manou, especialista em Hendrix, que organizou um show em Paris em 1990 em ocasião do 25º aniversário de sua morte.

Este ano, ele é o responsável por uma exposição organizada na loja Renoma, em Paris, durante a qual cerca de 70 fotografias e roupas da estrela serão exibidas até o dia 16 de dezembro. As fotografias estão à venda por preços que podem chegar a vários milhares de euros.

Já o fotógrafo Gered Mankowitz publicou uma coletânea de fotos que tirou durante duas sessões realizadas em seu estúdio em 1967. Batizada de "The Experience - Jimi Hendrix em Mason's Yard" esta obra reúne cerca de 120 imagens.

"Lembro-me de um homem muito acessível, com quem era prazeroso trabalhar. Era o contrário do artista explosivo no palco, mas tinha um carisma indiscutível", contou à AFP Mankowitz, conhecido por suas fotografias de estrelas do rock, como os Rolling Stones.

Na época, Gered Mankowitz tirou todas as fotos em preto e branco e Jimi Hendrix aparece nelas sem sua guitarra. Mesmo que tenha conseguido dar cor a algumas, ele nada pode fazer para unir a lenda do rock ao seu indissociável instrumento.

"Com certeza, lamento um pouco por não ter uma imagem dele com sua guitarra. Mas, naquela época, tirar uma foto de um artista com seu instrumento em estúdio era a coisa menos 'cool' do mundo. Então, eu me consolo dizendo para mim mesmo que era um cara 'cool' em 1967", brincou o fotógrafo.

Em Londres, o apartamento onde viveu a lenda será mantido aberto ao público até 26 de setembro. O museu H€ndel, proprietário do local, pretende transformá-lo depois em um museu permanente sobre Hendrix.

Também na capital britânica, o Hotel Cumberland inaugura na segunda-feira uma suíte em homenagem ao roqueiro, com as paredes pintadas com imagens psicodélicas. A diária custará 399 libras.

Os fãs também terão o box musical "West Coast Seattle Boy - The Jimi Hendrix Anthology" (Sony Legacy) com quatro horas de música e canções inéditas. O lançamento será no dia 15 de novembro.

Fonte: Agência AFP/Uol

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

VMB 2010: Restart sai com cinco troféus mas é vaiado

A banda Restart comprovou o favoritismo e levou cinco troféus no VMB 2010, que aconteceu na noite desta quinta-feira (16), no Credicard Hall, em São Paulo. Os meninos coloridos foram consagrados nas categorias Artista do Ano, Clipe do Ano, Hit do Ano, Revelação e Pop. Apesar de o grupo ter recebido mais votos do público, grande parte dos jovens presentes na plateia da premiação não ficou satisfeita com o resultado. O grupo recebeu os prêmios sob vaias.

"Nós tivemos muitas oportunidades de agradecer hoje. Mesmo quem vaiou, obrigado, críticas são bem-vindas", disse o vocalista Pe Lanza no palco, ao receber o troféu de Artista do Ano.

A 16ª edição do Video Music Brasil começou com o apresentador da noite, o VJ Marcelo Adnet, mandando um rap com Fernandinho Beatbox. Até Sandy se arriscou a fazer graça e cantou da plateia uma música sobre a premiação.

O VMB abriu a noite com a primeira convidada, a modelo paraguaia Larissa Riquelme (sim, a capa da Playboy de setembro). Ela apresentou a categoria Show do Ano, que consagrou o Nx Zero. Os integrantes agradeceram a equipe, a família, as bandas concorrentes e os fãs. Ao final do discurso, o vocalista Di Ferrero afirmou que o prêmio não se trata de uma competição, e aproveitou para divulgar o número de contato para contratar os shows do Nx Zero.

O segundo convidado famoso, Leo Santana, do hit Rebolation, dançou, rebolou e apresentou os indicados a categoria Aposta, levada por Thiago Petit. Em seguida, Marimoon chamou o show do Restart, que fez uma apresentação ao ar livre na Praça Victor Civita, em São Paulo.

Dani Calabresa foi sensação com sua clássica imitação de Luciana Gimenez (sem dispensar seu shake na mão). Ela apresentou a categoria Artista Internacional. Apesar da vitória de Justin Bieber, Laura Fontana, a mini Lady Gaga descoberta no programa Qual é o Seu Talento?, do SBT, invadiu o palco e "roubou" o troféu.

A atração internacional 3OH!3 fez uma participação especial, apresentando o show da banda Fresno, que enlouqueceu as fãs com os hits Redenção e Revanche. Outro gringo da noite foi Christian Chávez, ex-RBD. O cantor anunciou a categoria Webstar.

Confira a lista completa dos vencedores do VMB 2010

Artista Do Ano
Restart

Clipe Do Ano
Restart, com Recomeçar

Show Do Ano
Nx Zero

Hit Do Ano
Restart, com Levo Comigo

Revelação
Restart

Aposta
Thiago Petit

Rock
Pitty

Rap
MV Bill

Pop
Restart

MPB
Diogo Nogueira

Música Eletrônica
Boss In Drama

Artista Internacional
Justin Bieber

Webhit
Justin Biba - Paródia Justin Bieber (Música Baby)

Fonte: Terra

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Após usar vestido de carne, Lady Gaga ganha vestido "vegetariano"

Após aparecer no Video Music Awards no último domingo com um controverso vestido de carne, a cantora Lady Gaga ganhou um presente inusitado da apresentadora Ellen DeGeneres na última segunda-feira.

Gaga, que estava agendada para aparecer no programa de Ellen, que é vegana, se surpreendeu ao receber o presente, feito de folhas.

"Certamente não é um desrespeito a ninguém que é vegetariano ou vegano. Eu, como você sabe, sou a pessoa que menos pode julgar os outros na face da Terra. Porém, [o vestido] tem muitas interpretações, mas nesta noite significa que se você não lutar pelo que acredita, pelos seus direitos, teremos tantos direitos quanto a carne em nossos ossos. E eu não sou um pedaço de carne", disse Gaga no VMA, em defesa do vestido.

Fonte: Folha.com

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Família de Bob Marley perde processo por direitos sobre discos

A família de Bob Marley perdeu uma ação judicial na qual pedia os direitos autorais sobre várias das gravações mais famosas do cantor jamaicano de reggae.

A juíza distrital dos EUA Denise Cote, de Manhattan, determinou que a gravadora UMG Recordings, do Universal Music Group, é a proprietária por direito dos direitos autorais de cinco álbuns gravados por Marley para a Island Records entre 1973 e 1977.

Os álbuns "Catch a Fire", "Burnin", "Natty Dread", "Rastaman Vibrations" e "Exodus" foram gravados com a banda de Bob Marley, The Wailers. Eles incluem algumas das canções mais famosas de Marley, entre elas "Get Up, Stand Up", "I Shot the Sheriff", "No Woman, No Cry" e "One Love".

Bob Marley morreu de câncer em 1981, aos 36 anos de idade.

A decisão tomada pela juíza na noite de sexta-feira é uma derrota para a viúva de Marley, Rita, e seus nove filhos, que procuravam recuperar milhões de dólares de indenização pela tentativa de UMG de "explorar" o que eles descreveram como "as gravações essenciais de Bob Marley."

Os advogados da família, L. Peter Parcher e Peter Shukat, não responderam a telefonemas pedindo declarações. O porta-voz da UMG, Peter LoFrumento, disse que a empresa está satisfeita com a decisão da juíza.

A família de Marley acusou a UMG de intencionalmente deixar de pagar royalties a sua empresa, a Fifty-Six Hope Road Music Ltd, e ignorar um acordo de 1995 que lhes concedia direitos sob os acordos de gravação originais.

Ela também acusou a UMG de não consultá-la sobre decisões importantes de licenciamento, como o uso de músicas de Marley como ringtones de celulares da AT&T, Sprint e T-Mobile.

Mas a juíza concluiu que as gravações de Marley foram "trabalhos feitos para aluguel", conforme os termos da lei de direitos autorais dos EUA, o que dá direito à UMG de ser designada dona das gravações, tanto nos termos dos direitos autorais iniciais de 28 anos quanto das renovações.

Segundo ela, a Island tinha o direito contratual de aceitar ou rejeitar o que Bob Marley produzia.

Ela também rejeitou o pedido da família Marley de confirmar seus direitos sobre downloads digitais, citando ambiguidades no acordo de 1992 sobre royalties.

Ela instruiu as duas partes a iniciar negociações supervisionadas pelo tribunal com vistas a um acordo e programou um encontro entre as duas partes para 29 de outubro.

Por Jonathan Stempel de Nova York
Fonte: Reuters/Uol

Lady Gaga domina o VMA

Lady Gaga dominou a festa do Video Music Awards (VMA) da MTV, neste domingo (12), em Los Angeles, ao levar oito prêmios, incluindo o de melhor clipe do ano, por “Bad romance”.

A cantora também levou as estatuetas nas categorias clipe pop, vídeo de artista feminino, vídeo dance, todos por “Bad romance”, e melhor colaboração, por “Telephone”, com Beyoncé. Os demais prêmios vieram nas categorias técnicas: coreografia, direção e edição - todos por "Bad romance".

Gaga aproveitou o evento para anunciar que o título de seu próximo álbum será "Born this way".

Vestido que leva pedaços de carne

Lady Gaga se apresentou com três figurinos distintos. Entre os modelos mostrou um polêmico vestido aberto atrás e que levava pedaços de carne, que apareceu recentemente na capa da versão japonesa da revista "Vogue".

Entre os homens destacaram-se os prêmios para Eminem, que ficou com o de melhor clipe masculino e melhor clipe de hip hop, ambos por "Not afraid"; e o adolescente Justin Bieber, que ficou com o prêmio de melhor vídeo revelação, por "Baby", no qual também atua Ludacris.

O grupo 30 seconds to Mars levou o prêmio de melhor clipe de Rock.

Os outros prêmios em categorias técnicas foram os de direção de arte, para Florence & The Machine, por "Dogs days are over"; fotografia, para Jay-Z & Alicia Keys, por "Empire state of mind"; efeitos especiais, para Muse, por "Uprising"; e descoberta do ano para The Black Keys, por "Tighten up".

Música

A cerimônia contou com apresentações musicais, como a dupla formada por Eminem e Rihanna, que interpretaram "Love the way you lie"; Florence & The Machine, com "Dog days are over"; e Kanye West, que fechou o show com uma música inédita.

Outras atuações musicais de destaque foram as de Usher, que tentou imitar Michael Jackson, e a de Taylor Swift, que entoou uma balada chamada "Innocent" que serviu de absolvição para Kanye West, após o incidente que protagonizou na festa do ano passado.

Drake, B.o.B, Hayley Williams (de Paramore) e Linkin Park, estes atuando no observatório Griffith de Los Angeles, abriram passagem para Cher, que apresentou o melhor clipe do ano com um jaqueta de couro e um vestido transparente com lantejoulas, o mesmo traje do vídeo "If I could turn back time", rodado há 21 anos. A cantora e atriz comentou em tom jocoso: "Tenho sapatos que são mais velhos que a maioria dos indicados"

A transmissão durou mais de duas horas e contou com alguns momentos engraçados, como quando Justin Bieber parecia não encontrar o caminho para o palco para pegar seu prêmio, ou os problemas que Lady Gaga teve para se levantar , por causa de seus vestidos originais.

Fonte: Agência EFE/G1

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Carlinhos Brown é uma das atrações de festival em Madri

Acontece neste sábado (11) na Explanada del Puente del Rey, na capital espanhola Madri, o festival Olé Brasil, com shows gratuitos de artistas brasileiros como Carlinhos Brown, Victor e Léo, Neguinho da Beija Flor, Jeito Moleque, Fernando e Sorocaba e do espanhol David DeMaria.

O cantor e percussionista baiano disse em entrevista à agência EFE que não cobrou cachê pela apresentação, para "fazer sua parte na crise econômica espanhola e europeia". A matéria da agência espanhola enfatizou o trabalho social que Brown desempenha em Salvador, sua cidade natal.

Ele afirmou ainda que "as pessoas encontram na música uma estrutura de autoestima", e que por isso quis fazer sua parte. Brown disse que o mundo já passou por momentos piores, mas esta crise, que atingiu em cheio a economia espanhola, "é um momento para nós compartilharmos". O baiano encerrou dizendo que "podemos não ser ricos, mas podemos ser felizes".

Fonte: Terra

quinta-feira, 9 de setembro de 2010

Metallica lança EP ao vivo este mês

O Metallica anunciou nesta quarta-feira (8), em seu site oficial, que vai lançar um novo EP ao vivo com oito faixas gravadas durante shows na Austrália.

De acordo com o comunicado, "Six feet down under", que chegará às lojas no próximo dia 20, comemora o fim da turnê do último álbum, "Death magnetic", de 2008.

O repertório do EP foi selecionado a partir de gravações realizadas pelos fãs durante apresentações pelo país em 1989, 1993, 1998 e 2004.

"Vocês, fãs, vieram em nosso socorro com algumas ótimas opções de 'bootlegs'. Então selecionamos duas canções de cada turnê. Analisando mais profundamente, percebemos que algumas das faixas nunca haviam sido lançadas antes como 'lados-b ao vivo'", diz a banda no cominicado.

Veja o tracksit completo de "Six feet down under":

1. "Eye of the beholder" (gravada em 4 de maio de 1989 - Festival Hall, Melbourne)
2. "...And justice for all" (gravada em 4 de maio de 1989 - Festival Hall, Melbourne)
3. "Through the never" (gravada em 8 de abril de 1993 - Entertainment Centre, Perth)
4. "The unforgiven" (gravada em 4 de abril de 1993 - National Tennis Centre, Melbourne)
5. "Low man's lyric" (versão acústica gravada em 11 de abril de 1998 - Entertainment Centre, Perth)
6. "Devil's dance" (gravada em 12 de abril de 1998 - Entertainment Centre, Perth)
7. "Frantic" (gravada em 21 de janeiro de 2004 - Entertainment Centre, Sydney)
8. "Fight fire with fire" (gravada em 19 de janeiro de 2004 - Entertainment Centre, Brisbane)

Fonte: G1

Amy Winehouse volta ao estúdio para participar de tributo a Quincy Jones

Amy Winehouse teve sua presença confirmada em um novo álbum em homenagem ao produtor Quincy Jones. Segundo o site da MTV norte-americana, a cantora inglesa já gravou sua participação no projeto.

Winehouse irá contribuir com uma versão para a faixa "It's My Party", gravada por Lesley Gore e produzida por Jones em 1963. A gravação de Amy teve a ajuda do inglês Mark Ronson, que produziu o último álbum da cantora.

"Amy e eu estamos incrivelmente honrados e animados por gravar essa música para Quincy", escreveu Ronson em um comunicado nesta quarta-feira. Em resposta, Quincy Jones declarou admirar Winehouse "não apenas por sua voz mas por seu tremendo conhecimento e respeito pela música e sua história".

O álbum, chamado "Q: Soul Bossa Nostra", está previsto para ser lançado em novembro e terá também as participações de Akon, Jamie Foxx e LL Cool J, entre outros.

Enquanto isso, Amy Winehouse afirma estar trabalhando em seu novo trabalho autoral. O último trabalho da cantora foi o álbum "Back to Black", lançado em 2006.

Fonte: Folha.com

Skank mapeia 20 anos de banda em DVD gravado no Mineirão e diz que será difícil repetir projeto grandioso

São quase 20 anos na estrada, uma discografia de sucessos, grandes festivais no currículo e um público de 50 mil pessoas só deles. O que mais o Skank quer fazer que ainda não tenha feito? "Neste momento não penso muito além. Se bem que a Ivete Sangalo está abrindo outras possibilidades", brinca Samuel Rosa, referindo-se ao show que a baiana gravou no último sábado (4) em Nova York. "Mas ouvi dizer que lá foram só 15 mil pessoas, então vamos continuar com o que é nosso", ele ri, e agora falando sobre o novo trunfo da banda, o registro "Multishow ao Vivo - Skank no Mineirão".

Este terceiro trabalho ao vivo do grupo será exibido no próximo domingo (12), às 22h30, no canal Multishow. Depois disso, o registro ganha formato em CD, DVD e Blu-ray. É lá que os admiradores da cidade de Belo Horizonte encontrarão a capital mineira em preto e branco, ao som de Dick Dale (que não está tocando "Misirlou"), nos anos 40 introduzindo o DVD. E testemunharão um Samuel Rosa perplexo dizendo frente a uma multidão de fãs: "Não há nada que a gente possa comparar, em nossa carreira, com o que está acontecendo hoje".

O momento foi de euforia, mas o vocalista reafirma. "Foi a primeira vez que tocamos para um grande público só nosso. Então é, sim, diferente de tudo o que a gente já viveu e fez", diz ele por telefone, de sua casa em Belo Horizonte, ao UOL Música. "A conexão com a banda era tão grande e intensa que parecia um show para 500 pessoas, de tão próximo que eles estavam da gente. Não se trata apenas de um numero em si, mas sim da quantidade de pessoas aliadas à banda", diz Samuel, enquanto relembra aquela noite de 19 de junho no estádio Mineirão.

Para o baixista Lelo Zaneti --que no DVD aparece pulando durante quase todas as três horas de show-- o Skank vive o melhor momento para se fazer um apanhado da carreira da banda, que tem também o tecladista Henrique Portugal e o baterista Haroldo Ferretti. "Depois do 'Skank - MTV ao Vivo em Ouro Preto', de 2001, tivemos que contar uma outra história. Jogamos luz em alguns aniversários, como os 15 anos de lançamento de 'Calango'. E não poderia ser menos do que um CD duplo para falar disso tudo", conta ele, também por telefone, da capital mineira.

São 31 músicas no total: 21 delas saíram do roteiro do show (incluindo a inédita "Presença"), oito foram tiradas do bis e duas são novas gravadas em estúdio ("De Repente", reggae de Samuel Rosa e Nando Reis, e "Fotos na Estante", essa última sem registro ao vivo). Apesar das novidades, Lelo garante que ainda não é uma prévia de um próximo disco de inéditas. "Agora não temos como pensar nisso, seria muito precipitado, mas jogamos bastante energia nessas músicas", conta.

Do jeito que o fã gosta
O repertório é um acordo entre fãs e banda. De "Pacato Cidadão" e "Garota Nacional" às recentes "Ainda Gosto Dela" e "Sutilmente", foi o público quem deu as sugestões de suas músicas preferidas em uma enquete no site da banda, que recebeu mais de 400 mil votos, deixando para o grupo a função do polir as escolhas. "Tem músicas como 'Uma Canção É Pra Isso' que a gente acha legal, mas não teve uma votação expressiva. Em contrapartida, eles queriam coisas do 'Samba Poconé' (1996). Então é um disco para o fã do Skank", define Samuel.

Algumas dessas músicas --"Presença", "De Repente", "Uma Canção é Pra Isso" e "Vamos Fugir"-- foram tocadas para o público mais de uma vez, situação recorrente em gravações ao vivo. "A gente evitou ao máximo ficar repetindo música e rejeitamos qualquer ideia de tocar novamente logo em seguida. Isso é muito chato, o público vira uma claquete de auditório. É desrespeitoso ao público e à grandiosidade do momento", defende Samuel, lembrando que as repetições ficaram mesmo para o bis.

Por isso, quando a banda voltou para este bis, foi uma espécie de segundo show. "Foram três horas de Skank no palco. Quisemos brindar o público de Belo Horizonte que não está acostumado a ir ao Mineirão ver apenas uma banda. E a gente quis compensar o esforço deles de sair de casa e encarar uma multidão. Então resolvemos fazer um show maior", conta Samuel sobre a apresentação realizada na véspera do segundo jogo da Seleção Brasileira na Copa do Mundo 2010 e que levou a plateia ao êxtase com a execução de "Uma Partida de Futebol".

O lançamento de "Multishow ao Vivo - Skank no Mineirão" marca também o início de uma nova turnê da banda. "Vamos ter um cenário específico, algo que traduza um pouco, em cada lugar, o que tivemos no estádio. As músicas também serão tiradas desse repertório. Vamos começar a turnê em Belo Horizonte, no dia 25, e em outubro vamos a São Paulo e Rio de Janeiro", adianta Lelo.

Enquanto isso, o Mineirão segue fechado até 2014, quando então será reaberto para a Copa do Mundo no Brasil, e com 50 mil fãs do Skank como última recordação. "Repetir uma coisa como essa vai ser muito difícil. De projetos grandiosos, acho que já é o suficiente. Talvez num futuro podemos partir para coisas com mais sutilezas, mais intimistas, e aí tem a possibilidade de um acústico que não temos, ou um projeto com outros artistas. Coisa para fazer sempre tem, mas neste momento queremos focar nesse trabalho. Vamos aproveitar essa maré boa", finaliza Samuel.

Por Mariana Tramontina
Fonte: Uol

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Maria Gadú, Gil e Maria Bethânia são indicados ao Grammy Latino

Os brasileiros Gilberto Gil, Dori Caymmi e Maria Gadú receberam duas indicações cada para os prêmios Grammy Latino, enquanto Maria Bethânia foi indicada à categoria de gravação do ano pela música "Tua", informou nesta quarta-feira (8) a Latin Recording Academy.

O anúncio foi feito no clube Avalon, de Hollywood, e contou, entre outros, com a presença do mexicano Aleks Syntek, o portorriquenho Gilberto Santa Rosa, o cubano Arturo Sandoval, o trio de pop/rock mexicano Camila e os porto-riquenhos Kany Garcia e Mario Quintero Lara (de Los Tucanes de Tijuana), para anunciar os indicados.

A carioca Gadú concorre em duas categorias internacionais, como artista revelação e como melhor álbum de cantor-compositor por seu disco de estreia homônimo.

"Tua", faixa título do novo disco de Maria Bethânia, também concorre como melhor música brasileira do ano, e o álbum foi indicado na categoria melhor engenharia de gravação.

Na categoria melhor disco de música instrumental, o Brasil conta com três indicados: Yamandu Costa & Hamilton de Holanda com "Luz da Aurora", Arthur Maia com "O tempo e a música" e "Afrobossanova" de Paulo Moura e Armandinho.

Além dessas indicações, o país conta com categorias específicas, como melhor álbum de MPB, melhor álbum de pop contemporâneo brasileirp e melhor álbum de rock brasileiro, entre outras.

Favoritos latinos

O uruguaio Jorge Drexler, o espanhol Alejandro Sanz, o mexicano Mario Domm e o dominicano Juan Luis Guerra partem como favoritos ao Grammy Latino, com quatro candidaturas cada um.

Drexler concorre nas categorias de gravação do ano e canção do ano por "Una canción me trajo hasta aquí"; melhor álbum de cantor-compositor por "Amar la trama", e melhor vídeo musical --versão longa por "La trama circular".

Já Sanz conseguiu indicações para álbum do ano e melhor álbum vocal pop masculino por "Paraíso express", assim como à gravação do ano e canção do ano por "Desde cuándo".

Guerra, por sua vez, é candidato aos prêmios de álbum do ano e melhor álbum de música tropical-contemporânea por "A son de guerra", e melhor canção de música tropical e melhor vídeo musical -- versão curta por "Bachata en Fukuoka".

Domm conseguiu candidaturas ao álbum do ano e ao melhor álbum vocal pop -- dupla ou grupo por "Dejarte de amar"; gravação do ano e canção do ano por "Mientes".

Entre os favoritos aos prêmios também estão Camila, Daddy Yankee, Lee Levin, Tommy Torres e Dan Warner, com três candidaturas cada um.

Duas indicações cada foram obtidas, entre outros, por Bebe, Rubén Blades, Concha Buika, Andrés Calamaro, Gustavo Cerati, Alex Cuba, El Cuarteto de Nos, Estrella, JotDog, La Mala Rodríguez e Vico C.

Outros artistas populares que obtiveram pelo menos uma candidatura são Marc Anthony, Miguel Bosé, Don Omar, Alejandro Fernández, Nelly Furtado, Enrique Iglesias, Juan Gabriel, Thalia, Diego Torres e Julieta Venegas.

Pessoa do ano

Gabriel Abaroa, presidente da The Latin Recording Academy, anunciou que nos próximos dias será conhecido o ganhador do prêmio Pessoa do Ano que a entidade entrega anualmente.

"Há nove meses, a Academia entrou em processo de votação que hoje produz seus primeiros resultados", disse Abaroa sobre o palco. "Fica em meu baú de tristezas uma grande quantidade de gravações, álbuns e artistas que não passaram para a próxima rodada".

O presidente da The Latin Recording Academy lembrou que o Grammy Latino não é um reconhecimento baseado em popularidade ou vendas, mas o voto chega por meio dos profissionais do mundo da música.

"Sabemos da importância que as indicações e os prêmios têm por ser resultado de um processo baseado na busca da integridade e excelência", afirmou.

Para concorrer com Maria Bethânia ao prêmio de gravação do ano, estão a espanhola Concha Buika, por "Se me hizo fácil"; Camila, com "Mientes"; Jorge Drexler, por "Una canción me trajo hasta aquí"; e Alejandro Sanz, por "Desde cuándo".

A 11ª edição dos prêmios Grammy Latino ocorrerá em 11 de novembro no hotel Mandalay Bay, de Las Vegas (EUA).

Fonte: Agência EFE/G1

domingo, 5 de setembro de 2010

DeeJay David e equipe: Níver de Ayumi no Senac

DeeJay David e equipe: Festa de casamento de Jorge & Carla no Sonho de Ícaro

Ivete Sangalo abre show em Nova York: 'Sou uma vencedora!'

A cantora Ivete Sangalo gravou seu DVD "Multishow ao vivo Ivete Sangalo no Madison Square Garden", em Nova York, neste sábado, 4. Ivete subiu ao palco com um cocar na cabeça e abriu sua apresentação com a música "Sou brasileiro" e "Acelera aê".

Para a plateia, disse: "Sou uma vencedora!" E sem esconder as lágrimas, falou: "O que estou sentindo aqui, com certeza vocês estão sentido aí". Depois, emendou em inglês: "É um prazer muito grande pisar nesse palco na presença de amigos, familiares".

Muito emocionada e chorando em algumas músicas, Ivete continuou o espetáculo com seus sucessos "Dalila" e "Flores", música da época em que era vocalista da Banda Eva.

A cantora Nelly Furtado, que fez participação na gravação do DVD de Ivete Sangalo, chamou atenção com seu figurino. Ela entrou no palco usando um macacão de renda, coladinho no corpo que, a princípio, deixava dúvidas se ela estava sem nada por baixo. Depois, de constatado o forro, da cor da pele, o que
chamou atenção mesmo foi, digamos, a saúde de Nelly Furtado que em nada ficou devendo aos famosos bumbuns das brasileiras.

Seguranças enlouquecidos

Depois dos momentos iniciais de expectativa do show, Ivete Sangalo se soltou no palco do Madison Square e fez a sua micareta: "Vamos ensinar esse povo o que é uma periguete? Vamos lá! bota a mão no ombro do colega e me segue", disse antes de entoar os versos de "A Galera" e mandar o povo descer até o chão. Óbvio que todo mundo atendeu, para desespero dos seguranças do Madison que pediam a todo tempo para que as pessoas se mantivessem em seus lugares.

No show, uma homenagem a Michael Jackson: Ivete cantou "Human nature".

Alto astral

Como o show é uma gravação, Ivete precisou repetir a música "Dar-te", com participação do cantor colombiano Juanes. Mas nem assim a baiana perdeu o rebolado e brincou com o convidado: "Bora, Juanes! Força na peruca, meu nego! Um dia você chega lá", disse, provocando risos na platéia.

A arena do Madison Square Garden abriga na noite deste sábado, 4, cerca de 14 mil pessoas e os ingressos se esgotaram rapidamente. O show da baiana custou R$ 5 milhões.

No ar

Foram mais de três horas de show (as três horas combinadas com o Madison foram pra cucuia), cinco trocas de roupas, participação de convidados internacionais como Nelly Furtado e Juanes e uma artista cada vez mais afinada no palco. Prova disso foi a repetição de apenas uma música, com Juanes.

Como não podia deixar de ser, Ivete Sangalo encerrou a gravação de seu DVD em grande estilo, voando. Ela foi içada por cabos e subiu, no melhor estilo 'Mary Poppins', segurando balões.

Por Eliane Santos
Do EGO, em Nova York

sábado, 4 de setembro de 2010

Ivete Sangalo é chamada de Beyoncé do Brasil

"Ivete Sangalo, a Beyoncé do Brasil" foi a manchete do jornal New York Daily News, na sexta-feira (3). Sobre a comparação, a cantora comentou: "Entendo que queiram comparar, mas temos tipo diferente de voz: sou tipo um homem, ela uma moça", brincou.

A matéria diz que Ivete é uma das maiores estrelas do Brasil. Ela se apresenta hoje no Madison Square Garden, em Nova York. A direção de luz do show é de Patric Wooroffe, o mesmo que dirigiu This Is It, de Michael Jackson. Por falar no astro pop, Ivete vai cantar música do ídolo. Chiquérrima!

Por Regina Brito
Fonte: Terra

sexta-feira, 3 de setembro de 2010

Show do Scorpions em João Pessoa será gravado para DVD da banda

O show que o Scorpions fará em João Pessoa, no dia 11 de setembro no estádio Almeidão, será inteiramente gravado em alta definição para integrar o DVD oficial da última turnê banda, "Get Your Sting and Blackout World Tour 2010". O registro, previsto para sair no ano que vem, terá como base uma apresentação na Alemanha, terra natal da banda, mas trechos de shows ao redor do mundo estarão presentes no DVD de despedida do grupo.

Segundo a assessoria do festival paraibano Sun Rock, onde o Scorpions será atração principal, a banda vai tocar em um palco com mais de 60 metros de largura e 30 metros de comprimento, com um telão de led de 73 metros quadrados de alta definição e um equipamento de luz importado, semelhante ao utilizado nas turnês do U2 e AC/DC.

A turnê marca a despedida da banda dos palcos, depois de 40 anos de carreira. O Scorpions inicia a sequência de apresentações em João Pessoa e depois passa pela Argentina, Chile e Bolívia para voltar ao Brasil e fazer dois shows em São Paulo (Credicard Hall), nos dias 18 e 19 de setembro. O grupo ainda se apresenta em Curitiba (Arena da Baixada) no dia 21, em Brasília (Ginásio Nilson Nelson) no dia 22 e, por fim, toca em São Luís (Centro Histórico) em 24 de setembro.

Os shows fazem divulgam também o disco mais recente do Scorpions, "Sting In The Tail", lançado em março deste ano. O quinteto, formado atualmente por Klaus Meine (voz), Rudolf Schenker (guitarra), Matthias Jabs (guitarra), Pawel Maciwoda (baixo) e James Kottak (bateria), já tocou no país em anos anteriores, como 1985, 1997, 2005, 2007 e 2008.

Fonte: Uol

quinta-feira, 2 de setembro de 2010

Ivete Sangalo canta com Nelly Furtado em show nos EUA

A cantora Nelly Furtado fez uma participação especial no show da baiana Ivete Sangalo durante um show em Worcester, nos Estados Unidos, na noite da última quarta-feira.

Faltando apenas 2 dias para seu aguardado show no Madison Square Garden, Ivete colocou a multidão que assistia a seu show no DCU Center, em Worcester, para dançar.

No grande show de sábado, Ivete vai gravar um DVD em grande estilo, que terá figurino, iluminação e cenografia especial. Na ocasião, Nelly também cantará com ela a nova música "Where It Begins".

Fonte: Folha.com

Guns N' Roses é recebido sob chuva de garrafas durante show em Dublin

A banda norte-americana Guns N 'Roses foi recebida sob uma chuva de garrafas ao subir ao palco para um show em Dublin, na Irlanda, na noite desta quarta-feira (1º). As informações são do site "Gigwise".

A plateia irlandesa reagiu com com irritação após o grupo de Axl Rose aparecer cerca de meia hora depois do horário marcado para a apresentação.

As garrafas continuaram a ser arremessadas em direção aos músicos que, instruídos pelo vocalista, interromperam a apresentação 22 minutos depois do início do show.

Cerca de meia hora depois, um integrante da produção informou ao público que estava tentando convencer o vocalista a prosseguir com o espectáculo, mas muitos já tinham abandonado o local. Logo a seguir, o grupo cedeu e continuou o show sem outros incidentes.

Em comunicado, o promoter da banda pediu desculpas “por qualquer inconveniente provocado durante a apresentação".

Foto: Lucíola Villela/G1
Fonte: G1

Djavan grava primeiro disco da carreira como intérprete

São 34 anos de carreira e mais de 20 discos gravados. Eclético, já transitou por gêneros como o samba, o jazz e a valsa. Gravou com artistas como Chico Buarque, Stevie Wonder e o violonista espanhol Paco de Lucía. Chegou até mesmo a se arriscar como ator no filme "Para viver um grande amor", musical dirigido por Miguel Faria Júnior em 1983. Mas, apesar dos tantos caminhos percorridos, ainda faltava um desafio para o cantor e compositor alagoano Djavan: um trabalho como intérprete.

"Foi uma dificuldade. Mas a dificuldade me move", declarou o músico sobre "Ária", lançamento que reúne versões para 12 canções selecionadas seguindo critérios distintos.

"Há reminiscências da infância e da adolescência, coisas que cantava na época em que era crooner de boate", diz Djavan sobre o repertório, que inclui "Oração ao tempo" (Cateano Veloso), "Treze de dezembro" (Luiz Gonzaga e Zé Dantas), "Disfarça e chora" (Cartola e Dalmo Castelo) e "Fly me to the moon" (Barth Howard), famosa na voz de Frank Sinatra.

Com arranjos debruçados sobre o violão do próprio compositor, o álbum traz ainda o baixista André Vasconcellos, os percussionistas Marco Lobo e Marcos Suzano e o guitarrista Torcuato Mariano.

A turnê terá início em São Paulo, com shows no Credicard Hall dias 24 e 25 de setembro, Djavan cita Chico Buarque e Prince como alguns dos artistas que gostaria de assistir na próxima edição brasileira do Rock in Rio, marcada para o ano que vem.

Por Henrique Porto
Fonte: G1