sexta-feira, 29 de outubro de 2010

My Chemical Romance divulga capa de seu novo single

Os integrantes do My Chemical Romance disponibilizaram em seu site oficial a capa de seu próxim single, chamado Sing. A canção é a segunda música de trabalho do disco Danger Days>: The True Lives of the Fabulous Killjoys, que será lançado no mês que vem.

Com um retrato, a capa ainda possui a frase: "Would you destroty something perfect to make it beautiful?" (Você destruiria algo perfeito para torná-lo bonito?, em tradução livre).

O novo álbum, que já teve a canção Na Na Na lançada, é o sucessor do badalado The Black Parade, de 2006.

Fonte: Terra

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

"Billboard" elege Fergie a "Mulher do Ano"

Fergie foi eleita a "Mulher do Ano" pela revista norte-americana "Billboard".

A cantora será homenageada em uma cerimônia no dia 2 de dezembro, em Nova York. A integrante do Black Eyed Peas disse estar honrada em receber o prêmio, que descreveu como uma "grande conquista na carreira".

O único disco solo de Fergie até agora é o multiplatinado "The Dutchess", de 2006. Além disso, ela continua a lotar casas de shows e lançar sucessos com o Black Eyed Peas. O grupo lança o disco "The Beginning" em 30 de novembro.

Outras cantoras que já receberam a homenagem da "Billboard" são Beyoncé, Reba McEntire e Ciara.

Fonte: Agência AP/Uol

Carlinhos Brown lança dois CDs e solta o verbo contra a pirataria

Em tempos de pré-sal, Carlinhos Brown sugere que se apostem em "outro expoente nacional: a pressão, pressão musical". Conversar com o multiartista baiano é assim: um trocadilho atrás do outro. Mais ainda quando está cheio de coisas para falar sobre dois novos CDs, Diminuto e Adobró, que lança simultaneamente em tempos de crise da indústria fonográfica.

"A pirataria é um acaso do descaso. Não acho que o CD morreu. Qualquer artista tem mais que dois discos para oferecer", define, assumindo que não realizaria tal projeto sem o apoio da Natura, por meio do projeto Natura Musical. "Eles conseguem o marketing espontâneo oferecendo o que as pessoas querem. Existe uma panela de pressão cultural no País que nenhuma crise vai calar", decreta Brown.

Com dois lançamentos na praça e já em turnê - que passa pelo Rio no dia 10 de novembro, no Oi Casa Grande -, o inquieto artista agora parte para dentro das rádios e TVs, mas, de antemão, lamenta que tais meios temam apostar em novidades.

"É lindo ouvir o Rei (Roberto Carlos) no final do ano, mas que tal um festival de coisas inéditas também? Temos que ser música popular brasileira e não museu popular brasileiro", dispara mais um de seus jogos de palavras. "É doloroso quando me veem só como o cara que fez Água Mineral e A Namorada. Pô, a namorada já é vovó! Fiz muitas outras coisas".

Além desses sucessos, Carlinhos Brown é lembrado também pelo Rock In Rio, em 2001, quando foi execrado por roqueiros ávidos por ídolos como Guns 'N Roses.

"Eu não estava no lugar errado, na hora errada. Fiquei mais conhecido no mundo depois daquilo e passaram a prestar mais atenção na minha mensagem por um mundo melhor", avalia. "Se for chamado para o festival em 2011, vou com o maior prazer! Quem sabe com um show do Mar Revolto?", sugere Brown, referindo-se ao grupo de rock que integra e que gravou um CD, ainda inédito. "Lanço em janeiro", promete.

Foto: Santiago Barrenechea/EFE
Fonte: O Dia

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

'Thriller', de Michael Jackson, pode virar longa-metragem

Diversos estúdios de Hollywood estão interessados em transformar Thriller, um dos maiores sucessos de Michael Jackson, em um longa-metragem, informa o site Gigwise. Segundo fontes da indústria do cinema, o roteiro será escrito por Jeremy Garelick, de Se Beber Não Case, e o filme pode ser dirigido pelo coreógrafo Kenny Ortega.

O enredo deve se basear na história da letra da música, incluindo a infância do lendário ator de terror Vincent Price, que faz uma narração fantasmagórica em Thriller. O rei do pop já apareceu nos cinemas com This Is It, que documenta a turnê que Jackson preparava quando morreu.

O curta-metragem que serviu como videoclipe de Thriller, feito em 1982 com direção de John Landis, se tornou um clássico da década de 1980. Qualquer futuro filme sobre o astro terá negociações complicadas devido à batalha que familiares e pessoas próximas ao cantor travam pelos bens e recursos deixados por ele após sua morte, em junho de 2009.

Fonte: Terra

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Com Robbie Williams, Take That anuncia turnê em 2011 com super produção para estádios

Depois de firmar novamente a parceria com Robbie Williams, o Take That anunciou nesta terça-feira (26) uma turnê de 20 shows pela Europa e Reino Unido para promover seu próximo disco, "Progress", uma das apostas para liderar as paradas britânicas no Natal. As informações são da agência de notícias Reuters.

O álbum está previsto para sair em novembro e a nova turnê é a primeira de Gary Barlow, Mark Owen, Howard Donald e Jason Orange com Williams desde 1995, um ano antes do fim do Take That. Em entrevista coletiva realizada nesta terça em Londres, Barlow, principal compositor da banda, disse que a nova turnê terá uma super produção para shows em estádio.

No ano passado a turnê do disco "The Circus" bateu recorde de bilheteria no Reino Unido, quando vendeu 600 mil ingressos em menos de cinco horas. "É engraçado porque, quando Rob assistiu a turnê, ele disse 'eu quero fazer isso, mas comigo dentro disso'. É isso que queremos fazer, a mesma coisa mas com Rob junto", disse Owen durante a entrevista, segundo a Reuters.

O primeiro show está marcado para o dia 30 de maio em Sunderland, no norte da Inglaterra, e vai continuar pela Europa em julho, incluindo datas na Escandinávia. A última apresentação está prevista para o dia 29 de julho em Munique, na Alemanha. Os ingressos começam a ser vendidos já na próxima sexta-feira (29) para o Reino Unido e no dia 5 de novembro para a Europa, segundo o site oficial da banda.

Ainda segundo a Reuters, o anúncio da turnê coroou uma semana de sucesso para o Take That. Na segunda-feira (25), eles receberam um prêmio no Hall da Fame da revista de música "Q". Uma casa de apostas já colocou o disco como favorito para estar no topo das paradas britânicas.

Williams --que já vendeu mais de 50 milhões de discos em carreira solo-- disse recentemente que quer que a reunião com o Take That seja duradoura. "Nos conhecemos quando estávamos todos no mesmo nível. Os garotos voltaram e têm ido muito bem. As pessoas tiveram filhos e, você sabe, as prioridades para mim mudaram um pouco, assim como para os rapazes. E é o fato de me sentir bem que faz com que eu queira voltar para mais, ou voltar definitivamente", disse ele em nota reproduzida pela agência Bang Music.

Fonte: Uol

Influenciado pelo ska, CPM 22 lança primeira música de seu novo disco

O novo disco do CPM 22 vai sair no início de 2011, mas uma faixa desse trabalho já pode ser ouvida. "Vida ou Morte" é a primeira música de trabalho do quinto álbum de estúdio da banda, ainda sem título, e está disponível em streaming no player abaixo. A banda também disponibilizou a canção para download gratuito no site oficial.

Influnciados por Mighty Mighty Bosstones, Hepcat, Reel big Fish e Chris Murray, o CPM 22 se voltou às raizes do skapunk para entrar em estúdio e gravar o novo trabalho. "O disco está mesclado. Tem hardcore, tem música rápida, mas tem bastante ska também", adianta o guitarrista Luciano Garcia, autor de "Vida ou Morte".

Além da música inédita, Luciano diz que o novo trabalho é "para cima" e reflete o atual momento da banda. "Passamos por muitas mudanças, tivemos problema com gravadora, um integrante da banda saiu, e é inevitável não mostrar isso disco. Falamos das pedras nos caminhos, mas com o clima bom que está entre a gente", define o guitarrista.

Para o novo disco, o CPM 22 gravou instrumentos que nunca tinha usado, como naipe de metais, vibrafone, órgão e cello. O álbum também traz colaborações da banda outros artistas, entre eles Maurício Takara, Daniel Ganjaman e Phil, do Dead Fish.

Segundo Luciano, não há qualquer referência "Cidade Cinza", o último trabalho lançado em 2007 e que no ano seguinte foi vencedor do Grammy Latino de melhor álbum de rock brasileiro. "O que podemos dizer que é mais parecido, no clima, é com 'A Alguns Quilômetros de Lugar Nenhum', de 2000. São as nossas influências de sempre, mas que nunca tínhamos colocado no som".

No ano passado, o grupo encerrou o contrato com a gravadora Universal por "falta de afinidade com seu antigo produtor em relação a identidade da banda, que sempre foi fiel a suas raízes", e agora volta com o novo disco produzido de forma independente. "Ainda não temos gravadora, mas estamos analisando propostas".

Em agosto, o CPM 22 divulgou "13", single inédito que era uma sobra das sessões de gravação de "Cidade Cinza". A música foi lançada especialmente na data que é considerada pelos supersticiosos como um dia de azar, mas a faixa não vai entrar no disco novo.

Fonte: Uol

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Discografia da Legião Urbana chega às lojas em edição de luxo

Chega às lojas nesta segunda-feira (25) um lançamento que promete deixar os fãs da Legião Urbana inquietos. Os oitos discos de estúdio da banda de Renato Russo ganham edições especiais e retornam às prateleiras em edições de luxo e em vinil.

Em versões remasterizadas no lendário estúdio Abbey Road, Legião Urbana (1984), Dois (1986), Que País é Este (1987), As Quatro Estações (1989), V (1991), Descobrimento do Brasil (1993), A Tempestade (1996) e Uma Outra Estação são lançados em dois formatos: um box com 8 digipacks e em vinis.

Nas tradicionais "bolachas", os seis primeiros álbuns do grupo de Brasília chegam em formato original com capa dupla, fotos e textos inéditos. Já os últimos dois discos foram adaptados ao formato e ganharam LPs duplos.

De acordo com a assessoria gravadora EMI, o preço sugerido às lojas é de R$ 350 para o box e R$ 29 para cada digipack separado. Já os vinis, considerando os simples e duplos, variam entre R$ 120 e R$ 190.

Fonte: Terra

Clipes de Lady Gaga atingem 1 bilhão de visitas no YouTube

Neste domingo, a estrela pop Lady Gaga atingiu uma marca impressionante de popularidade na internet: seus clipes no seu canal oficial do site de compartilhamento de vídeos YouTube chegaram à marca de 1 bilhão de visualizações de s. As informações são do site Gigwise.

A cantora celebrou o feito em seu perfil no Twitter. "Atingimos 1 bilhão de views no YouTube, little monsters. Eu os saúdo, reis e rainhas do YouTube. Uni-vos!", escreveu. Gaga também é a pessoa mais seguida no Twitter e a artista com mais fãs no Facebook, a tornando a estrela mais popular nas novas mídias.

Na tarde desta segunda-feira (25) o canal oficial da cantora tinha 1.001.978.192 visualizações. Atrás dela está o fenômeno teen Justin Bieber, que tem 966.002.774 visitas. Mas é deBieber o vídeo mais visto, da música Baby, com 366.529.478 visualizações. Bad Romance, de Gaga, foi visto 297.160.925 vezes.

Fonte: Terra

Will.I.Am diz que tocar com Jorge Ben foi "sonho"

Em turnê pelo Brasil, o quarteto pop Black Eyed Peas recebeu a participação especial do veterano Jorge Ben Jor em seu palco na noite desse domigno, no Rio de Janeiro. Depois da apresentação na Apoteose, o produtor Will.I.Am não poupou elogios ao compositor.

"Uau. Jorge Ben Jor tocou conosco no palco no Rio. Outro sonho realizado", disse o vocalista em seu Twitter. O brasileiro acompanhou os amiercanos nas músicas Mas Que Nada e Chove, Chuva.

Fonte: Terra

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Restart vai gravar em SP primeiro DVD e lançar álbum de figurinhas

O Restart vai gravar no próximo domingo (24) o primeiro DVD da banda. O registro será durante o show na domingueira que o grupo promove todo mês no HSBC Brasil, em São Paulo, chamado Happy Rock Sunday. Além da gravação, a sexta edição do evento também será marcada pelo lançamento do álbum de figurinhas de Pe Lanza, Pe Lu, Koba e Thomas.

O álbum de figurinhas está previsto para chegar às bancas de todo o país. No show de domingo, 4.000 exemplares serão distribuídos aos fãs.

Dirigido por Fabrizio Martineli, o DVD vai resgistrar a banda no palco tocando hits como "Levo Comigo", "Recomeçar", "Pra Você Lembrar", "Vou Cantar", "Amanhecer No Teu Olhar", "Sobre Eu e Você", "Lembranças", "O Meu Melhor", "Ao Teu Lado" e "Final Feliz", entre outras.

O repertório deve trazer ainda a música "Breve História", que a banda lançou no UOL em setembro. A faixa estava prevista para sair em um "pacote surpresa" junto com a música "Pra Você Lembrar", que ganhou clipe em português e espanhol.

No mês passado o Restart foi consagrado como Artista do Ano na edição 2010 do Video Music Brasil, além de ter levado outros quatro prêmios. Líder de indicações ao lado de NX Zero, a banda venceu todas as categorias a que concorria: além de artista do ano, levou revelação, banda pop, clipe do ano por "Recomeçar" e hit do ano por "Levo Comigo". Em agosto, eles ganharam o Prêmio Multishow de melhor música por "Recomeçar".

Fonte: Uol

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Lenine lança CD com temas de várias personagens marcantes

A Favorita, Caminho das Índias, Passione e As Cariocas. Lenine não é ator, mas esteve (está) em todas. Esta é apenas uma breve lista das produções que possuem músicas do cantor pernambucano em suas trilhas sonoras. Tantas que ele lança agora a coletânea Lenine.Doc, pela Universal Music, com 12 canções feitas por ele especialmente para TV, teatro e cinema.

"Esse tipo de repertório foi se avolumando ao longo dos anos, e, no processo de Aquilo que Dá no Coração (abertura de Passione), vi que tenho mais de 60 canções em trilhas", contabiliza ele, que recebeu da diretora Denise Saraceni o pedido para fazer o tema da novela. "Dependo do objetivo a que a música se destina, de como vai ser e de quem vai viver um personagem. Na hora de criar, não há regras. É tentativa e erro. Sempre procurando a beleza", ensina.

O novo CD traz ainda as canções Agora é que São Elas (2003), que foi tema de Antonia (Vera Fischer), na novela homônima, e Alpinista Social, tema de Kika Jordão (Arlete Salles em Lua Cheia de Amor, de 1990). "Alpinista foi o começo de tudo. Criei para a também pernambucana Arlete Salles, uma coincidência maravilhosa", relata.

Mesmo sem "encomendas", o CD Labiata, lançado por Lenine em 2008, emplacou três músicas em trilhas sonoras. As vilãs Flora (Patrícia Pillar), de A Favorita (2008), e Yvone (Letícia Sabatella), de Caminho das Índias (2009), faziam suas maldades ao som de É o Que Me Interessa e Martelo Bigorna, respectivamente. E Magra, do mesmo CD, vai entrar na trilha da série As Cariocas.

"É muito bacana, porque a TV é uma janela poderosa para a a produção fonográfica. Não sou noveleiro, mas me considero um novelista, porque ajudo na sua criação", observa o cantor.

O nome de rara orquídea dado ao álbum também lhe deu sorte. O show que fará, sexta (22), na Fundição Progresso, na Lapa, encerra com louvor a turnê do CD que rendeu trilhas e o documentário Continuação.

"Passionalmente falando, a gente tem mais cuidado pelo filho mais novo. Labiata me deu tantas conquistas, tenho um carinho especial. Virou tradição terminar a turnê em lugar popular e a Fundição é o quintal de casa", conta, ele, que começou a "gestação" de outro filho: a trilha sonora de Amor, filme de João Jardim.

"Meu caos não termina nunca. Faço três, quatro coisas ao mesmo tempo, porque confundo trabalho com folga", confessa Lenine, sobre sua interminável novela.

Por: Sara Paixão
Fonte: Terra

Shakira lança 'Sale el sol', seu novo álbum bilíngue

Os fãs da estrela colombiana Shakira poderão adquirir a partir desta terça (19) seu novo álbum Sale el Sol com 12 faixas em inglês e espanhol, entre elas, o sucesso Waka Waka, tema da Copa do Mundo da África do Sul.

"Estou muito contente com o novo álbum porque me lembra diferentes fases e períodos da minha carreira", disse a cantora em comunicado da gravadora Epic.

"Foi muito interessante fazer o CD, com o qual me conectei comigo mesma e com a minha sensibilidade. É introspectivo, mas ao mesmo tempo muito alegre", afirmou Shakira, que está em turnê mundial com vários locais esgotados.

O disco inclui tanto temas românticos, como rock, sem esquecer do gênero tropical, que mistura ritmos como o merengue e o reguetón em Loca, Rabiosa e Addicted to You.

Shakira conta com artistas convidados como a dupla porto-riquenha Calle 13 no Hip-Hop "Gordita", o dominicano El Cata e o britânico Dizzee Rascal nas versões em espanhol e inglês, respectivamente, de Loca, e o cubano Pitbull em Rabiosa.

Contou também com a participação do músico e produtor argentino Gustavo Cerati em Tu Boca, Devoción e Mariposas.

O público poderá curtir o sucesso Waka Waka, tema que vendeu mais de dois milhões de cópias, se tornando a "canção mais vendida na história das Copas do Mundo", afirmou Epic.

O vídeo oficial da canção tem mais de 200 milhões de visitas no YouTube.

Sale el Sol chega ao mercado depois do aclamado disco She Wolf em 2009, e do CD duplo Fijación Oral Volume 1 e Oral Fixation, Volume 2 em 2005, que juntos venderam mais de 12 milhões de cópias no mundo.

Shakira vendeu cerca de 50 milhões de discos ao longo de sua carreira.

Fonte: Agência EFE/Terra

Ivete Sangalo canta com Alejandro Sanz em São Paulo

Relembrando a dobradinha do DVD Ivete Sangalo - Ao Vivo no Maracanã, em 2007, a cantora dividiu o palco mais uma vez com Alejandro Sanz na noite de terça-feira (19), em São Paulo. Bastante à vontade ao lado de Alejandro, Ivete cantou e dançou junto do amigo e roubou a cena no espetáculo. O cantor está no País com a turnê Paraíso e se apresentou também no Rio de Janeiro, onde fez um dueto com outra baiana: Daniela Mercury.

Fonte: Terra

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

NX Zero divulga capa de seu próximo álbum

Preparando o lançamento do disco chamado Projeto Paralelo, os integrantes da banda NX Zero divulgaram neste sábado, às 20h, a capa do novo álbum. A foto que estampa o novo trabalho é um registro de César Ovalle, que acompanha o grupo nas turnês e também assina as capas dos discos Agora e Sete Chaves.

No Twitter, o baixista Conrado e o guitarrista Gee prepararam o anúncio conversando com suas fãs na rede de microblogs. A imagem adianta a participação no projeto de alguns nomes como Marcelo D2, Emicida, Kamau, Chorão, Xis e outros.

Projeto

O NX Zero fez um anúncio que causou uma forte repercussão entre os fãs da banda no final do mês passado. O guitarrista Gee Rocha postou um teaser no YouTube com cenas de gravações de um disco batizado de Projeto Paralelo.

Falando no Twitter, o músico conversou com os fãs e explicou que álbum terá versões de faixas da banda com novas roupagens e parcerias de rappers nacionais e internacionais. Nas imagens do teaser, há trechos do rapper Emicida em estúdio com os integrantes. Gee também confirmou a participação de Kamau no projeto.

O vídeo ainda possui em sua trilha trechos das canções Só Rezo, Entre Nós Dois e Inimigo Invisível nestas versões.

Fonte: Terra

Black Eyed Peas declara amor pelo Brasil

A relação do Black Eyed Peas com o Brasil está mais séria do que a gente podia imaginar. Primeira banda estrangeira da história a levar uma turnê a nove capitais do País - só a Região Norte ficou de fora -, o grupo formado por Fergie, Will.I.Am, Apl.de.Ap e Taboo fez sua estreia nacional sexta-feira, em Fortaleza, no Ceará Music 10 anos e mostrou que tem tudo para alcançar seu espaço na mesma galáxia onde estão astros como Madonna, Michael Jackson e U2.

Cheio de referências ao pop e munido de um palco monumental, com direito a "golden circle" - espaço para poucos e sortudos fãs, entre as passarelas laterais e o palco -, efeitos especiais, figurinos futuristas e uma bandaça, o quarteto apresentou o show The E.N.D para um público estimado em 25 mil pessoas. A apresentação durou duas horas e teve 24 músicas.

O hit Let's Get Started foi escolhido para a abertura. "Brasil, muito obrigado. Como vocês estão? Prontos para a festa?", saudou Will.I.Am, que não perdeu uma oportunidade sequer de dizer o quanto ama a nossa terra. "O Brasil é o meu país predileto. Sabem por quê? The people are (as pessoas são) sangue bom!", derreteu-se o cantor perto do fim do apoteótico show. Antes disso, Mas Que Nada, de Jorge Ben Jor, ganhou uma versão com vídeo psicodélico no telão, sem a letra em português, apenas com "ô aria raio oba oba oba".

Com carisma para dar e vender, os Black Eyed Peas provaram que funcionam bem tanto juntos quanto separados. Cada um deles tem seu momento solo dentro do roteiro da The E.N.D. Tour. Quando Fergie entra em cena de maiô com ombreiras de metal e rabo de cavalo para cantar sucessos de seu disco fora da banda, o público vai ao delírio. Em especial, as mulheres. Todas sabiam o refrão da radiofônica Big Girls Don't Cry: "I hope you know, I hope you know. That this has nothing to do with you (Espero que você saiba que isso não tem nada a ver com você)".

Mas o momento de maior interação do público com a banda é quando Will.I.Am surge vestido como um DJ cibernético dentro de uma cabine, que, por meio de um elevador, faz com que ele fique dois metros acima do público. Segundo a assessoria de imprensa do grupo, o mimo custa cerca de US$ 3 milhões e seria utilizado na derradeira turnê de Michael Jackson, This Is It. Comandando um laptop, Will destila trechos de pérolas do pop, reconhecíveis apenas por suas introduções. É o caso de Thriller, de MJ, Sweet Dreams (Are Made of This), do Eurythmics, e Smells Like Teen Spirit, do Nirvana, só para citar algumas.

Aguardada desde o começo, a potente I Gotta Feeling - carro-chefe do álbum The E.N.D - é uma espécie de bis e veio logo depois de duas músicas significativas do repertório de Fergie e cia: Where's The Love? e Boom Boom Pow. No auge da música, a tradicional chuva de papel picado, que é infalível, coloriu o céu. Antes de se despedirem, Fergie cantou versos de With or Without You, do U2, e Will.I.Am mandou um Parapapapapap, do emblemático funk Rap das Armas, da dupla Cidinho e Doca. E ele também prometeu: "Um dia vou viver no Brasil!"

Fonte: Terra

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Clipes de Michael Jackson são reunidos em caixa

A coleção completa de clipes de Michael Jackson foi restaurada e será relançada, incluindo o vídeo inédito para a canção "One More Chance".

A caixa "Michael Jackson Vision" será lançada no dia 22 de novembro, nos Estados Unidos, e reúne 4h30 de material. A seleção inclui o clipe de "Black or White" na íntegra, que foi editado após o lançamento original por conta de imagens violentas.

Jackson fez um curta para a música "One More Chance", mas nunca o lançou. Ele foi acusado de abuso sexual em 2003, na época do lançamento do single. O cantor foi absolvido da acusações.

Também fazem parte da caixa os clipes de "Bad", dirigido por Martin Scorsese, e "Thriller", entre outros.

Fonte: Agência AP/Uol

Músicos param caminhão no meio de rodovia e fazem show improvisado

Um caminhão do grupo musical "Imperial Stars" bloqueou na terça-feira quatro faixas de uma rodovia em Los Angeles, no estado da Califórnia (EUA), enquanto três músicos subiram em cima do veículo e começaram a fazer uma apresentação improvisada.

Segundo o porta-voz da polícia rodoviária da Califórnia, Rick Quintero, os três músicos foram presos e podem ser acusados de obstrução do tráfego. O incidente ocorreu às 10h30 e provocou um grande engarrafamento. O caminhão só foi retirado do local por volta do meio dia.

Foto: KTLA-TV/AP
Fonte: G1

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Com o pé direito

Foi assim que iniciou-se a incursão do Los Hermanos por 2010; numa noite fria, seca, poeirenta, mas inesquecível para quem, como eu, a vivenciou. Após a intensa bateria de ensaios, era chegada a hora de por à prova nosso entrosamento e nosso repertório, frente a um público estimado em quase 50 mil pessoas, sem contar tantos outros que nos assistiriam de casa.

A enorme expectativa pelo festival se anunciava ainda na estrada que liga São Paulo à Fazenda Maeda, em cujo acostamento era possível avistar pessoas pedindo carona, caminhando à pé do nada para lugar nenhum e até um casal, que resolveu parar o carro para desfrutar de um momento, digamos, mais íntimo, ao melhor estilo Woodstock.

Chegar ao complexo onde os shows se realizariam exigia de qualquer um certa dose de paciência, não só pelo trânsito de feriado na rodovia como também pelo fato de parte do percurso necessariamente ter que ser cumprido por estradas de terra. Entre um e outro solavanco, a estranha visão de roqueiros e suas garrafas de birita nas mãos, em contraste com a serenidade dos boizinhos pastando, alheios a todo o resto.

Ao saltar da van, percebi da pior maneira possível que havia menosprezado as previsões meteorológicas, desacreditando o vento gelado, capaz de paralisar todos os dedos das mãos, que assolava o lugar. Set list definido em cima da hora, meia dúzia de polichinelos no camarim para esquentar, e lá estávamos nós de novo, juntos, num palco.

A partir daí, devo confessar que não me lembro direito do que aconteceu. Acho que entrei naquele módulo “filme da própria vida”, quando a gente perde a capacidade de avaliar e antever e passa a estar submetido à grandeza do momento, como faz um espectador no cinema. A oportunidade de se conectar com um imenso público fiel da banda, cantando em uníssono todas as músicas, é mesmo um sensação indescritível.

O engraçado é que depois os jornalistas nos perguntam: mas porque vocês resolveram fazer esses shows? E precisa responder? Basta dizer que poucas são as pessoas no mundo a possuir o privilégio de colher frutos tão incríveis de um projeto que originou-se despretenciosamente, ainda no pátio da faculdade.

Sobretudo, o que levamos dessa primeira noite do SWU, a julgar pelo mar de sorrisos que enxergávamos lá do palco, é a certeza de ter propiciado 70 minutos de satisfação e de boas recordações para tantas pessoas, inclusive nós mesmos. Sem dúvida, um começo perfeito para a miniturnê. Fim de semana que vem tem mais!

Por Bruno Medina
Fonte: G1

domingo, 10 de outubro de 2010

Yoko Ono e ex-Beatle Ringo Starr cantam juntos para homenagear John Lennon


Yoko Ono e o ex-Beatle Ringo Starr subiram juntos ao palco por um motivo especial. A dupla se apresentou para homenagear John Lennon em um evento que celebrou os 70 anos que o cantor completaria se estivesse vivo. O show aconteceu, em Reykjavik, na Islândia, no sábado (9) - dia do aniversário de John.

A viúva de John reuniu sua banda, a Plastic Ono Band, Ringo e o filho de John, Sean Lennon, para interpretar a canção "Give Peace a Chance". No evento, Sean soprou algumas velinhas para comemorar o próprio aniversário de 35 anos, de acordo com a agência AP. A apresentação também relembrou alguns momentos da vida de John Lennon. No mesmo dia, Yoko também discursou para marcar a data.

Fonte: Quem

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Fãs de John Lennon celebram seu 70o. aniversário no YouTube


MONTEVIDEO, 8 Out 2010 (AFP) -Os fãs do cantor John Lennon postaram nesta sexta-feira inúmeros vídeos no YouTube como tributo pelos 70 anos que o ex-Beatle faria neste sábado e em resposta a um pedido de Yoko Ono. Ono, viúva do artista assassinado em 1980, postou um vídeo no YouTube no qual chama os fãs do marido a criar clipes em homenagem a Lennon. "Espero que se unam a mim e à família da paz de todo mundo para celebrar este dia tão especial", afirmou Ono no canal de John Lennon no Youtube. De canções originais com mensagens de paz que evocam Lennon até versões de suas canções como "Imagine" e "Love", os vídeos que homenageiam o artista se multiplicavam rapidamente nesta sexta. Músicos profissionais e amadores, fãs e amigos recordavam emocionados o ex-Beatle. Seu companheiro de banda e amigo Ringo Starr postou uma mensagem direta: "Feliz aniversário, John, amor e paz. Te amo e sinto tua falta". Fonte: Agência AFP/Uol

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Santana lança primeiro trabalho de estúdio desde "All That I Am", de 2005

O que o roqueiro Chris Cornell, o violoncelista Yo-Yo Ma e o rapper Nas têm em comum? Os três estão no novo álbum do eterno hippie e guitarrista mexicano Carlos Santana, lançado neste mês.

O jeito pacifista de Santana conduz uma turma eclética de músicos, quase que como num disco ecumênico, onde vários estilos extremos se unem por um bem maior, a santa guitarra.
Scott Weiland canta "Can't You Hear Me Knockin'" (Rolling Stones), Joe Cocker está em "Little Wing" (Jimi Hendrix) e Ray Manzarek participa de "Riders On the Storm" (The Doors).

"Queria levar essas canções clássicas de guitarra para um novo patamar, complementando e nunca competindo. Não é a Copa do Mundo", disse Santana à Folha em Las Vegas, no lançamento do seu disco "Guitar Heaven".

Cornell está em "Whole Lotta Love" (Led Zeppelin), Nas em "Back in Black" (AC/DC), e Yo-Yo Ma em "While My Guitar Gently Weeps" (The Beatles), música escolhida para divulgar o álbum nas rádios brasileiras.

"Esta canção é para tocar seu coração. Fazer, como disse Olivia Harrison, você pular de alegria e chorar ao mesmo tempo", disse Santana, 63, sobre a viúva de George Harrison, que compôs a música em 1968.

"E para você sentir que você é importante, tem um significado, você faz a diferença no mundo", continuou o músico. "Algumas canções, como as do Djavan, do Milton Nascimento, fazem com que o ouvinte seja importante", afirmou.

SERMÃO

O disco é o primeiro gravado em estúdio desde "All That I Am" (2005). Como parte do lançamento, ele fez um show no cassino Hard Rock Hotel, que será repetido numa mini-residência de 16 apresentações entre janeiro e maio de 2011.

Santana, que chegou a dizer em 2008 que quer fundar sua própria igreja ao completar 67 anos, de fato só abre a boca durante o show para pregar coisas do tipo: "Desligue a caixa preta, use sua imaginação" ou "Luz e paz, paz e amor".

Ele fez quase dez trocas de guitarras no palco e recebeu convidados que estão no CD, como a cantora americana de soul India. Arie e o roqueiro britânico Gavin Rossdale, do Bush, que cantou "Bang A Gong" (T. Rex), num ritmo inusitado, meio latino tropical.

GUITAR HEAVEN
ARTISTA Carlos Santana e convidados
LANÇAMENTO Sony
QUANTO R$ 15

Foto: Julie Jacobson - 25.ago.2010/AP
A repórter FERNANDA EZABELLA viajou a convite da Sony Music
Fonte: Uol

terça-feira, 5 de outubro de 2010

Gaga e Bieber se aproximam de 1 bilhão de acessos no YouTube

Lady Gaga e Justin Bieber se aproximam de um marco importante na nova indústria musical: quase 1 bilhão de acessos no site de compartilhamento de vídeos YouTube.

Lady Gaga deve passar de 1 bilhão de acessos por volta de 20 de outubro, se continuar no ritmo atual, de acordo com David Birch, diretor de comunicações da TubeMogul. Apenas em setembro, seus vídeos foram vistos quase 1,8 milhão de vezes por dia.

Birch disse que, se mantiver o ritmo atual, Justin Bieber deve passar de 1 bilhão de acessos por volta de 1º de novembro. Os vídeos dele foram vistos cerca de 3,7 milhões de vezes por dia durante o mês de setembro. Depois de Lady Gaga e Bieber, o artista mais acessado é Michael Jackson, com cerca de 600 milhões de acessos, disse Birch.

Lady Gaga será a primeira a atingir o marco de 1 bilhão, mas os dados da TubeMogul mostram que, ultimamente, Justin Bieber vem sendo o mais acessado do mundo. Entre 1º de julho e 28 de setembro, segundo dados da TubeMogul fornecidos à Billboard, Bieber teve a média de 3,98 milhões de acessos diários, contra 2,04 milhões diários de Lady Gaga.

Fonte: Terra