terça-feira, 26 de outubro de 2010

Com Robbie Williams, Take That anuncia turnê em 2011 com super produção para estádios

Depois de firmar novamente a parceria com Robbie Williams, o Take That anunciou nesta terça-feira (26) uma turnê de 20 shows pela Europa e Reino Unido para promover seu próximo disco, "Progress", uma das apostas para liderar as paradas britânicas no Natal. As informações são da agência de notícias Reuters.

O álbum está previsto para sair em novembro e a nova turnê é a primeira de Gary Barlow, Mark Owen, Howard Donald e Jason Orange com Williams desde 1995, um ano antes do fim do Take That. Em entrevista coletiva realizada nesta terça em Londres, Barlow, principal compositor da banda, disse que a nova turnê terá uma super produção para shows em estádio.

No ano passado a turnê do disco "The Circus" bateu recorde de bilheteria no Reino Unido, quando vendeu 600 mil ingressos em menos de cinco horas. "É engraçado porque, quando Rob assistiu a turnê, ele disse 'eu quero fazer isso, mas comigo dentro disso'. É isso que queremos fazer, a mesma coisa mas com Rob junto", disse Owen durante a entrevista, segundo a Reuters.

O primeiro show está marcado para o dia 30 de maio em Sunderland, no norte da Inglaterra, e vai continuar pela Europa em julho, incluindo datas na Escandinávia. A última apresentação está prevista para o dia 29 de julho em Munique, na Alemanha. Os ingressos começam a ser vendidos já na próxima sexta-feira (29) para o Reino Unido e no dia 5 de novembro para a Europa, segundo o site oficial da banda.

Ainda segundo a Reuters, o anúncio da turnê coroou uma semana de sucesso para o Take That. Na segunda-feira (25), eles receberam um prêmio no Hall da Fame da revista de música "Q". Uma casa de apostas já colocou o disco como favorito para estar no topo das paradas britânicas.

Williams --que já vendeu mais de 50 milhões de discos em carreira solo-- disse recentemente que quer que a reunião com o Take That seja duradoura. "Nos conhecemos quando estávamos todos no mesmo nível. Os garotos voltaram e têm ido muito bem. As pessoas tiveram filhos e, você sabe, as prioridades para mim mudaram um pouco, assim como para os rapazes. E é o fato de me sentir bem que faz com que eu queira voltar para mais, ou voltar definitivamente", disse ele em nota reproduzida pela agência Bang Music.

Fonte: Uol

Nenhum comentário: