terça-feira, 30 de novembro de 2010

Coldplay confirma participação no Rock in Rio 2011

Depois de tocar no Brasil em março deste ano, o Coldplay acaba de confirmar presença no Rock in Rio 2011, que acontece entre os dias 23 de setembro e 2 de outubro, no Parque Olímpico Cidade do Rock, no Rio de Janeiro.

A confirmação se deu através do site da banda. O show será no dia 1º de outubro.

O grupo se junta ao Metallica, Snow Patrol, Red Hot Chilli Peppers, Motorhead, Coheed and Cambria e Capital Inicial, que já garantiram que participarão do festival.

Rock in Rio Card

O Rock in Rio Card - nome dado ao ingresso antecipado - permite que a pessoa garanta presença no festival sem saber ainda em que dia ela pretende comparecer. A decisão poderá ser tomada até o dia 31 de maio de 2011. O Rock in Rio Card custa R$ 190 e pode ser adquirido no site oficial do evento (www.rockinrio.com.br).

Fonte: Terra

Motörhead e Coheed and Cambria são confirmados para Rock In Rio 2011

A organização do festival Rock In Rio confirmou mais dois nomes para a edição 2011 do evento. As bandas Motörhead e Coheed and Cambria vão se apresentar no dia 25 de setembro, no Palco Mundo.

O dia dedicado ao heavy metal já tem confirmados os grupos Metallica, Sepultura e Angra. Já as atrações Red Hot Chilli Peppers, Snow Patrol e Capital Inicial se apresentam no dia 24, que está sendo chamado de Dia Rock.

O festival acontecerá nos dias 23, 24, 25 e 30 de setembro e 01 e 02 de outubro de 2011, no Parque Olímpico Cidade do Rock, na Barra da Tijuca, no Rio.

Ingressos

Os ingressos para o Rock In Rio 2011, que tem sua edição de volta ao Rio de Janeiro, já estão à venda no site oficial do evento. Chamado de Rock In Rio Card, o bilhete custa R$ 190 (há meia-entrada para este valor). Este serviço oferece uma espécie de voucher para o comprador, que poderá escolher depois de anunciada a programação completa a data de sua preferência para ir ao evento

Quem comprar o Rock In Rio Card vai receber o bilhete no endereço indicado pelo cadastro, em uma caixa personalizada. A troca pelo ingresso será feita entre os dias 11 de janeiro e 31 de maio, antes da venda oficial, marcada para julho do ano que vem. A função, segundo a organização, é para garantir que a data escolhida pelo comprador não esteja esgotada.

A venda deste primeiro lote é limitada por CPF, a fim de evitar a ação de cambistas. Cada pessoa pode comprar até quatro entradas inteiras e uma meia-entrada. O pagamento pode ser feito por cartão de crédito (VISA, Mastercard, Diners ou American Express) e pode ser parcelado em até quatro vezes sem juros.

Além dos shows, o ingresso dá acesso a todas as atividades do evento: roda-gigante, montanha-russa, kabbon, tirolesa, shopping com 30 lojas, Rock Street com shows de jazz, Espaço Moda com desfiles, Eletrônica, Palco Mundo e Sunset.

Fonte: Uol

YouTube terá hoje primeira transmissão ao vivo no Brasil

"Senhoras e senhores, é hora de desligar a televisão e ligar o computador", afirmou Kate Perry no início do primeiro show ao vivo no YouTube em 2008, nos Estados Unidos. U2, Alicia Keys, John Legend e Bon Jovi também já se apresentaram.

Agora chegou a vez do Brasil. O país terá o primeiro show em streaming no YouTube e os escolhidos para a prèmiere online são os campeões em vendagem de discos e das redes sociais: artistas sertanejos.

A estimativa do Google, que comprou o YouTube em 2006, é que um milhão de pessoas sintonizem o canal www.youtube.com/sertanejo a partir das 20h de hoje.

Serão 2h e trinta minutos de shows com as duplas Bruno e Marrone, Victor e Léo, João Bosco e Vinícius e os jovens cantores Luan Santana e Michel Teló.

"A internet é um canal popular, então, é natural escolhermos artistas populares", explica Alexandre Schiavo, presidente da Sony Brasil.

Eles tocam um estilo que é conhecido como "sertanejo universitário" e fazem, em média, cerca de 250 shows por ano. Apenas os vídeos a dupla Victor e Léo já foram vistos mais de 110 milhões de vezes no YouTube. Já venderam mais de 1,6 milhão de álbuns e tiveram a quinta mais música mais executada do país no ano passado, a canção "Borboleta".

A apresentação de hoje será restrita ao território brasileiro e funcionará como um piloto, de acordo com a gerente de marketing do Google, Flavia Simon.

O Brasil ocupa hoje o quarto lugar entre os maiores mercados do YouTube, perdendo apenas para Estados Unidos, Japão e Inglaterra.

O termômetro de audiência do Google acusa que os sertanejos também estão entre os termos mais buscados do país, o que deve garantir o público virtual de hoje.

"A internet ainda é um complemento à televisão porque não chegamos a todas casas, mas é uma plataforma massiva", diz Flavia.

Por Elisangela Roxo
Foto: Paulo Segura/Divulgação
Fonte: Folha Online

Beatles e Jackson são os artistas que não existem mais que os norte-americanos mais gostariam de ver ao vivo

NOVA YORK, 29 de novembro (Reuters Life!) - Os Beatles estão em primeiro lugar entre os artistas que não existem mais e que os norte-americanos mais gostariam de ver ao vivo, revelaram os resultados de uma pesquisa divulgada na segunda-feira.

O falecido Michael Jackson foi o segundo colocado, seguido por Frank Sinatra e Mozart, segundo a pesquisa de atitudes e interesses dos norte-americanos feita pela revista 'Vanity Fair" e o programa "60 Minutes" da CBS Television.

Os Beatles lideraram a pesquisa com 22% dos votos, Michael Jackson recebeu 20%, Sinatra 18% e Mozart 14%.

Um quarto dos entrevistados disse que sua vida é suficientemente interessante para merecer ser tema de um reality show, e três quartos disseram que não.

Indagados sobre quem gostariam que criassem seus filhos no caso de alguma coisa lhes acontecer, 44% optaram por "algum casal simpático do Iowa", em lugar de diversos casais de atores ou celebridades.

Um quarto dos entrevistados escolheu Will Smith e Jada Pinkett Smith, 7% optaram por Ellen DeGeneres e Portia de Rossi, 6% escolheram Brad Pitt e Angelina Jolie e 3% optaram por Tom Cruise e Katie Holmes.

Dirigir lentamente na pista rápida foi o comportamento que 33% dos entrevistados acharam mais irritante, seguido por conversar ao celular em um restaurante e cuspir em público.

A pesquisa foi feita pelo telefone pela Unidade de Eleições e Pesquisas da CBS News com uma amostra aleatória de 1.137 adultos de todas as partes dos EUA no início de novembro. A margem de erro foi de quatro pontos percentuais para mais ou para menos.

Por Ellen Wulfhorst
Fonte: Reuters/Uol

U2 se apresenta em São Paulo em abril de 2011

A banda irlandesa U2 vai se apresentar em São Paulo no dia 9 de abril de 2011. O show acontecerá no Estádio do Morumbi e terá abertura do grupo Muse.

O valor dos ingressos será de R$ 180 (pista), R$ 340 (cadeira inferior A e B), R$ 380 (cadeira superior azul 1 e 2, cadeira superior azul premium, cadeira superior vermelha e laranja), R$ 70 (cadeira superior amarela), R$ 240 (arquibancada azul, vermelha e laranja e arquibancada vermelha especial) e R$ 220 (arquibancada amarela). Há meia-entrada para todos os setores.

A venda antecipada dos bilhetes acontece nos dias 4 e 5 de dezembro para clientes dos cartões Citibank, enquanto a venda para o público geral começa em 7 de dezembro. Os ingressos poderão ser comprados pelo site www.ticketsforfun.com.br, pelo telefone 4003-0806 e nos pontos de venda credenciados.

U2 EM SÃO PAULO

Quando: 09/04, a partir das 16h
Onde: Estádio do Morumbi (Praça Roberto Gomes Pedrosa)
Quanto: R$ 180 (pista), R$ 340 (cadeira inferior A e B), R$ 380 (cadeira superior azul 1 e 2, cadeira superior azul premium, cadeira superior vermelha e laranja), R$ 70 (cadeira superior amarela), R$ 240 (arquibancada azul, vermelha e laranja e arquibancada vermelha especial) e R$ 220 (arquibancada amarela). Há meia-entrada para todos os setores.
Ingressos: pelo site www.ticketsforfun.com.br, pelo telefone 4003-0806 e nos pontos de venda credenciados.

Fonte: Uol

sábado, 27 de novembro de 2010

Após longa espera, fãs terão o DVD de show de Marcelo Camelo

Os fãs de Marcelo Camelo que mataram a saudade de vê-lo com seus hermanos recentemente, no break do recesso que já vai para o quarto ano, já podem levá-lo em DVD para casa em sua fase “bloco do eu sozinho”.

Gravado num remoto abril de 2009, na mesma Salvador que tantas noites de alegrias deu ao grupo de Camelo - a última, mês passado, quando eles se reuniram para quatro shows -, seu MTV Ao Vivo finalmente é lançado.

Baseado no CD Sou, de 2008, um ano e meio depois de anunciada a suspensão dos trabalhos dos Hermanos, já foi transmitido e reprisado pela emissora. Mas fã que é fã quer ter o seu. Até porque o registro ao vivo, saído do Teatro Castro Alves, guarda diferenças em relação ao CD.

A banda paulistana Hurtmold e sua massa sonora cheia de texturas (a partir de guitarras, baixo, bateria, vibrafone, teclados, trompete, clarone), presentes na vida de Camelo desde que ele se mudou do Rio para São Paulo, estão em quase todas as faixas. Há até um momento autoral, na música Língua Vulcão.

As exceções são os momentos voz-e-violão em que o músico lembra a fase anterior: Pois é, do disco 4, A Outra e Além do que se vê, ambas do Ventura, e ainda Santa Chuva, gravada por Maria Rita.

Naturalmente, o revival leva o público a encher os pulmões para cantar do início ao fim. Ele interpreta também Despedida, com Hurtmold. O show é enxuto e menos melancólico do que a audição de Sou.

Tem todo o seu repertório: Passeando, Teo e a gaivota, Tudo Passa, Mais Tarde, Menina Bordada, Doce Solidão, Liberdade, Saudade, Vida Doce, Copacabana. A romântica Janta, como no CD, ele reparte com a namorada, Mallu Magalhães, num momento bonito, com os dois dividindo música e amor diante de 5 mil pessoas.

Foto: Renata Carvalho/ Ag. A Tarde
Fonte: Agência Estado

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Black Eyed Peas vai se apresentar em intervalo do Super Bowl

O Black Eyed Peas vai se apresentar durante o intervalo do Super Bowl, programa esportivo de maior audiência da TV americana . O show será realizado no dia 6 de fevereiro no estádio dos Dallas Cowboys em Arlington, Texas.

Fergie, Will.i.am e os companheiros de banda foram confirmados durante partida dos Cowboys contra os New Orleans Saints nesta quinta-feira (25).

Nos últimos anos, as atrações do Super Bowl incluíram a banda The Who e um show de Paul McCartney.

“The beginning”, o novo álbum do Black Eyes Peas será lançado na próxima terça-feira (30).

Foto: Foto: AP
Fonte: G1/ com informações da AP

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Rock in Rio 2011 já vendeu 62 mil ingressos do primeiro lote

O primeiro lote de ingressos para o festival Rock in Rio, que volta ao Rio de Janeiro entre setembro e outubro de 2011, começou a ser vendido na sexta-feira (19), e até esta segunda (22), já haviam sido vendidos 62 mil do lote de 100 mil ingressos.

Com apenas seis bandas já confirmadas, este primeiro lote é comercializado em sistema de "voucher". Um cartão, chamado de Rock in Rio Card, é entregue na casa do comprador, que poderá trocá-lo pelo ingresso do dia de sua preferência a partir de 11 de janeiro.

Segundo a assessoria de imprensa do Rock in Rio, cerca de 60% dos "vouchers" foram comprados por pessoas de fora do Estado do Rio de Janeiro. O Rock in Rio Card custa R$ 190 e pode ser comprado no site www.rockinrio.com.br.

O festival já confirmou as bandas internacionais Metallica, Red Hot Chili Peppers e Snow Patrol, e os brasileiros Sepultura, Capital Inicial e Detonautas. O Rock in Rio será realizado no Parque Olímpico Cidade do Rock, na zona oeste do Rio de Janeiro, entre 23 de setembro e 2 de outubro de 2011. A capacidade será de 100 mil pessoas por dia.

Fonte: Terra

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Gravadora lança caixa com DVD e dois discos de Maria Gadú

Apenas 16 meses se passaram desde que saiu o CD de estreia de Maria Gadú. E ela, às vésperas dos 23 anos, já prova para todo mundo que não precisava provar nada a ninguém. “Quase Sem Querer”, o hino da Legião Urbana, é uma das regravações de seu primeiro DVD. “Multishow Ao Vivo Maria Gadú” chega como parte de um grande lançamento da Som Livre (por seu selo Slap, voltado a novas apostas) às mãos do público que aprendeu a cantar “Shimbalaiê": além do registro do show para 7 mil pessoas gravado no Credicard Hall, em julho, vão para as lojas dois CDs, cada um com uma metade de seu set list.

Grande demais para uma cantora iniciante, e nestes tempos difíceis para as gravadoras? Talvez não, se forem levadas em consideração as mais de 100 mil cópias vendidas do primeiro CD, e a consequente confirmação de que Gadú, com a voz de personalidade e o repertório singelo, é um dos nomes mais interessantes da novíssima MPB. O endosso de gente como Milton Nascimento, “fã incondicional”, João Donato (que prevê “um caminho iluminado para ela") e Caetano Veloso, com quem está fazendo uma série de shows em dupla pelo País - nesta quarta-feira, 24, será no Via Funchal -, já não a faz tremer.

“Mas ainda não me acostumei com a ideia de cantar com o Caetano. Ele é f.... Aí às vezes eu tô distraída, olho pro lado e penso: É o Caetano! É estranho saber que ele está ensaiando uma música minha pra tocar. Mora num lugar desconhecido da fala”, diz a paulistana Mayra Correa Aygadoux (Maria Gadú é para facilitar) em entrevista em sua casa, na Lagoa, esparramada no sofá, durante a qual bebe cerveja e fuma.

A aparência é de um adolescente andrógino, os cabelos curtos, os óculos propositalmente desproporcionais ao rosto, o visual jeans-camiseta-tênis, o corpo magro, as gírias. No DVD, dirigido pela já veterana Joana Mazzucchelli, a saudação ao público, antes de começar, com a bonitinha Encontro (sua), é infantil: “Oi, geeeeente!” Assim como a forma como sorri para os músicos, e como grita para chamar ao palco, um atrás do outro, os amigos cantores e compositores, a quem faz questão de prestigiar. Sandy, ídola, é outra convidada.

Visual – As câmeras captam a quase incredulidade diante do que está acontecendo: o público cantando, inteiras, suas músicas, “Bela Flor”, “Dona Cila”, “Altar Particular”, “Lounge”, “Escudos”, “Laranja”, e dos parceiros, “Tudo Diferente”, “Linda Rosa”, além das novas “Paracuti”, “Aurora”, “A Culpa”, “Quando Fui Chuva”, “João de Barro”. É como se ela se indagasse: É para mim tudo isso? “Quantos shows importantíssimos eu vi no Credicard, de Korn a Marisa Monte... Mas eu não fiquei com medo, não.” Como as 13 faixas de estreia não sustentariam um DVD, Gadú lança mão de muitos covers.

Para quem curtiu suas versões de “A História de Lily Braun” (Chico Buarque), “Ne Me Quitte Pas” (Jacques Romain Brel) e “Baba” (o hit de Kelly Key), é interessante ouvi-la transformando “Trem das Onze” (Adoniran Barbosa) e “Filosofia” (Noel Rosa/André Filho), amalgamada a “You Know I’m No Good”, de Amy Winehouse, e imprimindo sua marca a “Lanterna dos Afogados” (Herbert Vianna), e a “Who Knew” (sucesso de Pink).

São músicas que ela cantava quando ralava em barzinhos de bairros periféricos do Rio. Um tempo em que não havia trocas de cenário, figurino, maquiagem, quarteto de cordas para acompanhar, como no DVD, nem convites para apresentações em todas as premiações de música. Tampouco indicações para o Grammy Latino (nas categorias revelação e álbum). Outra dessa época é “I Can See Clearly Now” (Johnny Nash), que Gadú divide, nos extras, em estúdio, com o pai, o tio, o primo e o irmão. Descalça, de bermudinha, ali ela parece ainda mais a menina de 16 meses atrás, que dizia que “nunca imaginaria que daria entrevista na vida”. “Faço música porque eu gosto. Pra que parar pra analisar?”

Fonte: Agência Estado

Lulu Santos lança 2º CD e DVD Acústico MTV

Lulu Santos é um hitmaker. É incontestável sua capacidade em compor canções atemporais como "Tudo Azul", "Toda Forma de Amor", "Um Certo Alguém", "Como uma Onda", "Tão Bem", "O Último Romântico" e "A Cura". É tanto sucesso que boa parte não entrou no primeiro projeto Acústico MTV que o cantor e compositor lançou em 2000. Por isso, Lulu agora se iguala aos Titãs e torna-se o segundo artista brasileiro a gravar dois discos somente com canções desplugadas. E o novo trabalho, lançado neste mês, sai em DVD e CD e traz sucessos como "Tudo Azul", "Adivinha o Quê?", "Já É" e "Dinossauros do Rock". O trabalho conta com a participação especial de Jorge Ailton e Marina de la Riva.

"Singular, que foi o álbum que lancei no ano passado, é um trabalho obscuro da minha carreira, pois foi bem experimental. No final da turnê eu já estava cansado daquilo tudo e de saco cheio de música eletrônica", diz Lulu. "Calhou da MTV me convidar para gravar mais um acústico. Aceitei. Foi bom porque voltei para os instrumentos musicais tradicionais, bem distantes dos eletrônicos", explica o cantor.

Para Lulu, a escolha do set list foi fácil. "Foi o que ficou de fora do primeiro acústico. Minha Vida e Tudo Azul, por exemplo, são canções importantes na minha carreira que mereciam uma roupagem acústica", explica. Lulu acredita, no entanto, que o álbum é uma oportunidade de reavaliar a forma de tocar suas velhas canções. "Nossas velhas canções ficam muito melhores. Quando, por exemplo, colocamos uma zabumba em Tudo Azul, percebemos que a música ficou mais potente", avalia o artista.

No palco, além da zabumba, Lulu levou violões, saxofone, cítara, bateria e piano. Todos instrumentos tradicionais, completamente distantes da fase eletrônica dos últimos anos. O destaque do álbum fica por conta da participação da brasileira e filha de cubano Marina de la Riva dando um toque cubano nas músicas "Adivinha o Quê?" e "Odara", de Caetano Veloso. "Esse toque deixou as músicas completamente diferentes. Ela cantou divinamente", elogia Lulu. O cantor já está em turnê, pelo Brasil, apresentando as músicas deste trabalho. Em São Paulo, o show ocorreu no último dia 12.

Fonte: A Tarde

Banda norueguesa a-ha relança álbuns mais famosos

Se os anos 70 ficaram conhecidos como a era da discoteca, os anos 80 entraram para a história como a década dos ecos, overdubs, sintetizadores e teclados seguidos por refrões repetitivos. Exemplo clássico dessa vertente é a banda norueguesa a-ha (com o nome escrito assim mesmo, com todas as letras minúsculas). Ainda estão claros na memória do público sucessos que não saíam das rádios, como "Take On Me", "Hunting High And Low" e "The Living Daylights".

O trio é formado pelos músicos Morten Harket (vocal), Magne Furuholmen (teclados) e Paul Waaktaar-Savoy (guitarra) e no ano passado, eles anunciaram o fim da banda, fazendo, inclusive, uma turnê de despedida no Brasil, em outubro. Contudo, o a-ha já planeja nova turnê mundial, com show de encerramento definitivo em Oslo, na Noruega. Acabando ou não, a banda ainda cultiva muitos fãs e foi pensando neles que o grupo lançou recentemente três discos: "a-ha 25", "Hunting High and Low" e "Scoundrel Days". Os três são duplos (R$ 39,90 cada).

O disco "a-ha 25" é o melhor dos três, pois traz uma coletânea com 39 canções, entre elas os clássicos "Take on me" e "Hunting High And Low", lançado em comemoração aos 25 anos da banda. Além disso, há uma canção inédita, de 2009, chamada "Butterfly, Butterfly" (The Las Hurrah).

Os outros dois discos são relançamentos dos álbuns clássicos da banda. "Hunting High And Low" é o principal, pois foi que mais vendeu no mundo, com 10 milhões de cópias desde o lançamento, em1985. Além da canção-título, o álbum traz "Take on Me" e "The Sun Always Shines". O disco traz ainda b-sides, demos e raridades. Em "Scoundrel Days", a pegada é a mesma. Entretanto, o disco tem canções menos conhecidas. Fogem desse perfil "Manhattan Skyline" e "Cry Wolf".

Fonte: Agência Estado

DeeJay David e equipe: Festa de Casamento de Roberto e Mayana na Casa Rafick


Produtora divulga preços dos shows de Amy Winehouse no Brasil

A produtora Mondo Entretenimento confirmou os preços dos shows de Amy Winehouse no Brasil. No Rio, os ingressos custam de R$ 700 (pista premier e camarotes) a R$ 180 (cadeira nível 3). Em Florianópolis, as entradas saem por R$ 300 (camarote) e R$ 100 (pista). Os preços dos ingressos para Recife e São Paulo ainda não foram divulgados.

Os shows da cantora inglesa acontecerão em Florianópolis (no dia 8), Rio de Janeiro (11), Recife (13) e São Paulo (15).

Duas revelações da soul music vão abrir os show de Amy no Brasil: os cantores americanos Janelle Monae Mayer Hawtorne.

Amy Winehouse é considerada um dos grandes talentos musicais dos últimos anos, desde o lançamento do premiado "Back to black" (2006), seu segundo álbum solo que inclui os hits "Rehab" e "You know I'm no good", dentre outros.

Porém, nos últimos anos ela se tornou notícia mais pelos escândalos envolvendo abuso de drogas e álcool do que em relação a sua música. Recentemente ela entrou em estúdio para regravar "It's my party", canção originalmente lançada pela americana Lesley Gore, em 1963. A faixa estará presente em um disco tributo ao produtor Quincy Jones.

As vendas começaram nesta terça (23) no site www.livepass.com.br e pelo telefone 4003-1527 (custo de ligação local).

Confira abaixo os locais em que Amy se apresentará:

Florianópolis
Quando: 8 de janeiro
Onde: Summer Soul Festival, no clube Pachá - Rod. Maurício Sirotsky Sobrinho, 2500, Jurerê Internacional
Quanto: R$ 300 (camarote) e R$ 100 (pista)

Rio de Janeiro
Quando: 11 de janeiro
Onde: HSBC Arena - Avenida Embaixador Abelardo Bueno, 3401, Barra da Tijuca
Quanto: R$ 700 (pista premier e camarotes), R$ 280 (pista), R$ 340 (cadeira nível 1) e R$ 180 (cadeira nível 3)

Recife
Quando: 13 de janeiro
Onde: Centro de Convenções de Pernambuco - Avenida Professor Andrade Bezerra, s/n, Salgadinho

São Paulo
Quando: 15 de janeiro
Onde: Arena Anhembi - Avenida Olavo Fontura, 1209, Santana

Fonte: G1

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Começa a venda de ingressos para o Rock in Rio 2011

Começou a ser vendido à 0h01 desta sexta-feira (19) o primeiro lote de ingressos para a quarta edição do Rock in Rio no Brasil. O Rock in Rio Card custa R$ 95 (meia) e R$ 190 (inteira) e só pode ser adquirido no site oficial do festival. Cada pessoa pode comprar no máximo quatro ingressos.

“Com isso, você garante a sua ida ao Rock in Rio mesmo que ainda não haja atrações confirmadas. Quando a programação do festival estiver fechada, é só escolher o dia. O próprio cartão, semelhante a um cartão de crédito, já vai servir como entrada. Uso essa estratégia em Portugal há quatro anos, e é sempre sucesso. Acho que no Brasil, onde a expectativa é ainda maior, não será diferente", explicou Medina ao G1.

Entre os nomes já confirmados no festival em 2011 estão as bandas Metallica, Red Hot Chili Peppers e Snow Patrol, além das atrações nacionais Sepultura, Angra e Capital Inicial.

Além dos shows, o Rock in Rio Card dará acesso a outras atrações do festival, como parque de diversões, acesso às tendas Rock Street com shows de jazz, Espaço Moda com desfiles, e os palcos Eletrônica, Mundo e Sunset.

A quarta edição do evento vai acontecer nos dias 23, 24, 25 e 30 de setembro e 1 e 2 de outubro de 2011, no Parque Olímpico Cidade do Rock, na Barra da Tijuca.

O festival volta a ser promovido no Brasil após dez anos e depois de passar por Lisboa e Madri.

O Rock in Rio foi realizado pela primeira vez em 1985. Originalmente organizado no Rio de Janeiro, tornou-se uma atração internacional em 2004, quando foi levado para Lisboa, Portugal.

Ao longo da sua história, o Rock in Rio teve nove edições: três no Rio de Janeiro (1985, 1991, 2001), quatro em Portugal e duas na Espanha.

Fonte: G1

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Rock in Rio confirma Red Hot Chili Peppers e Snow Patrol

A organização do festival Rock in Rio 2011, que acontece entre 26 de setembro e 02 de outubro do ano que vem no Rio de Janeiro, anunciou nesta terça-feira (16) mais três bandas para o festival.

Os americanos do Red Hot Chili Peppers, os escoceses do Snow Patrol e o brasileiro Capital Inicial vão tocar na segunda noite do Rock in Rio 2011.

O Chili Peppers já havia se apresentado no Rock in Rio 3, em 2001. As três bandas se juntam aos americanos do Metallica e os brasileiros Sepultura e Angra, que já haviam sido confirmados para a terceira noite, dedicada ao heavy metal. No total, o festival terá cerca de 100 atrações musicais.

Fonte: Terra

Novo álbum do Take That bate recorde de vendas no primeiro dia

Progress, o novo álbum do Take That lançado nesta semana, estabeleceu um novo recorde de vendas de primeiro dia na Grã-Bretanha nos últimos anos, com 235 mil cópias vendidas, segundo a Official Charts Company. O álbum conta com a volta do vocalista Robbie Williams, que retornou ao grupo depois de ter se lançado em carreira solo em 1995.

Os números incluem todos os discos vendidos até o final de segunda-feira (15), e foi a maior venda de estreia desde Be Here Now, da banda britânica Oasis, que registrou pouco mais de 350 mil discos vendidos em 1997. "Essa é uma conquista fenomenal para uma banda que já é um sucesso fenomenal", disse o diretor-executivo da Official Charts Company, Martin Talbot.

Take That e Robbie Williams, que seguiu uma carreira de solo bem-sucedida antes de desaparecer dos holofotes nos últimos anos, venderam juntos mais de 80 milhões de discos na carreira.

Segundo a Official Charts Company, Progress desafiaria as vendas do último disco do Take That (sem Williams), The Circus, que vendeu 1 milhão de cópias em 18 dias.

A banda Take That tem um contrato com a gravadora Polydor, da Universal Music Group.

Fonte: Terra

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Nova música de Michael Jackson é lançada com críticas positivas e boa previsão de venda

Nova York - O primeiro single oficial do polêmico disco póstumo de Michael Jackson foi lançado nesta segunda-feira (15) com resenhas iniciais positivas e boas previsões de vendas no formato digital.

"Hold My Hand", um dueto que Jackson gravou em 2007 com o rapper e produtor senegalês Akon, e que foi filtrado sem que estivesse terminado um ano depois, é uma balada simples mas com ritmo contagiante, com toques que lembrarão os fãs do de Jackson da morte do artista no ano passado, como o primeiro verso "this live don't last forever" ("esta vida não dura para sempre").

As primeiras críticas e as páginas de fãs na web elogiaram a música com o dueto, à venda no formato digital na página oficial www.michaeljackson.com, indicando que Akon melhorou a qualidade da produção da música. "Não é vergonhoso, nem também necessariamente crucial", disse a revista "New York Magazine" sobre a faixa.

A página de Facebook de Jackson encheu de comentários sobre a música, com seguidores emocionados pelo lançamento do novo disco "Michael", previsto para 14 de dezembro. A nova música segue-se ao lançamento de outra, "Breaking News", na semana passada, que foi recebida com ceticismo.

"Michael" tem o respaldo dos administradores de sua herança, e é o último projeto comercial que aproveita a renovada popularidade do artista depois de sua morte. Também estão sendo preparados um espestáculo do Cirque du Soleil, um videogame de dança e uma caixa com todos os vídeos do artista em DVD.

Fonte: Reuters/Uol

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Shakira virá ao Brasil para participar de festival em 2011.

Há algumas semanas especula-se sobre um evento musical chamado Pop Festival e esta semana foram divulgadas as primeiras informações concretas sobre o projeto, que acontecerá a partir de março do ano que vem e cruzará toda a América latina.

A idéia é juntar grandes nomes da música internacional e artistas locais de cada um dos países por onde o festival passará para um grande evento que unirá música, arte e tecnologia. A grande anfitriã do evento será Shakira, que além de ser a madrinha do evento, é também uma de suas idealizadoras.

A agenda do evento está sendo planejada para coincidir com as datas da turnê mundial da colombiana, a “The Sun Comes Out Tour“, e os primeiros dados das performances devem ser divulgados ainda este ano.

Até o momento, sabe-se que Shakira e Ivete Sangalo participarão de um projeto em conjunto no Brasil no próximo ano, o que nos faz crer que a baiana esteja confirmada para a edição do evento que será realizada em nosso país. O site do projeto já está no ar e pode ser conferido aqui.

Por Josimar Rosa
Fonte: Virgula

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Jota Quest lança músicas em espanhol na internet

Após lançar um álbum em espanhol na Argentina, o grupo Jota Quest resolveu matar a curiosidade dos fãs brasileiros e decidiu disponibilizar para streaming no MySpace algumas faixas de seu novo trabalho.

Batizado de “Dias Mejores”, o CD traz “Na Moral”, “Ya Fue”, “Encontrar a Alguien”, “Dias Mejores”, “Una Vez Más”, “Alguien para mi Soledad”, “Fácil”, “A Tu Lado”, “Vem a Andar Conmigo”, “Amor Mayor”, “La Plata” e “Planeta de los Simios”. São 12 músicas selecionadas dentro da discografia do grupo, que ganharam novos arranjos e foram regravadas para estrear em solo latino.

Lançado pela Sony Music, o álbum tem produção de Mário Breuer.

Fonte: A TARDE On Line

Disco novo de Michael Jackson terá duetos com Akon, 50 Cent e Lenny Kravitz

A gravadora Epic, da Sony, e os responsáveis pelo espólio de Michael Jackson revelaram mais detalhes sobre o álbum "Michael" nesta sexta-feira. A canção "Hold my Hand", com Akon, será o primeiro single e será lançada na segunda-feira (15) no site do cantor.

Uma versão incompleta da música apareceu na internet há dois anos, antes da morte de Jackson. Akon declarou que a faixa foi finalizada e que tem orgulho de ter trabalhado com um de seus ídolos. A Sony e os responsáveis pelo espólio de Jackson disseram ter uma nota escrita pelo cantor na qual expressa seu desejo de que "Hold My Hand" fosse o primeiro single em seu próximo projeto.

"O mundo não estava pronto para ouvir 'Hold my Hand' quando a canção apareceu há dois anos. Nós ficamos devastados. Mas a hora definitiva chegou, agora em sua versão final, ela se tornou uma canção incrível, um hino. Tenho muito orgulho de ter tido a chance de trabalhar com um de meus ídolos", disse Akon em comunicado divulgado no site de Jackson.

"Michael", primeiro disco com material inédito de Jackson desde "Invincible", de 2001, terá 10 canções e será lançado em 14 de dezembro.

A música "Breaking News" foi divulgada no site de Jackson neste semana. Os filhos do cantor declararam duvidar que a voz que aparece na canção é a de seu pai, mas a gravadora declarou que se trata de Michael Jackson cantando.

Veja a lista de músicas do disco "Michael":

1. "Hold My Hand" (dueto com Akon)
2. "Hollywood Tonight"
3. "Keep Your Head Up"
4. "(I Like) The Way You Love Me"
5. "Monster" (com 50 Cent)
6. "Best Of Joy"
7. "Breaking News"
8. "(I Can’t Make It) Another Day" (com Lenny Kravitz)
9. "Behind The Mask"
10. "Much Too Soon"

Fonte: Uol com Associated Press

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Justin Bieber divulga capa de disco acústico

O cantor Justin Bieber divulgou em seu site a capa de seu disco novo, "My Worlds Acoustic", que será lançado no dia 26 de novembro.

O disco traz versões acústicas de canções já lançadas pelo canadense, como "Baby", "Favorite Girl" e "One Time". O primeiro single será a canção nova "Pray".

No site do cantor é possível comprar uma edição especial do disco, com CD, vinil e pôster.

Veja abaixo a lista de músicas de "My Worlds Acoustic":

"One Time"

"Baby"

"One Less Lonely Girl"

"Down to Earth"

"U Smile"

"Stuck in the Moment"

"Favorite Girl" (Live)

"That Should Be Me"

"Never Say Never" (Featuring Jaden Smith)

"Pray"

Fonte: Reuters/Uol

Sem programação definida, Rock In Rio 2011 começa a vender ingressos no dia 19

James Hetfield em show do Metallica: banda vai tocar no 3º dia do Rock In Rio

Os ingressos para o Rock In Rio 2011, que tem sua edição de volta ao Rio de Janeiro, serão vendidos a partir do próximo dia 19. O festival acontecerá nos dias 23, 24, 25 e 30 de setembro e 01 e 02 de outubro de 2011, no Parque Olímpico Cidade do Rock, na Barra da Tijuca.
Chamado de Rock In Rio Card, o bilhete vai custar R$ 190 (haverá meia-entrada para este valor) e será vendido apenas no site oficial do evento. Este serviço vai oferecer uma espécie de voucher para o comprador, que poderá escolher depois de anunciada a programação a data de sua preferência para ir ao evento. Até o momento estão confirmados apenas Metallica, Sepultura e Angra para o terceiro dia.

Quem comprar o Rock In Rio Card vai receber o bilhete no endereço indicado pelo cadastro, em uma caixa personalizada. A troca pelo ingresso será feita a partir do dia 11 de janeiro, antes da venda oficial. A função, segundo a organização, é para garantir que a data escolhida pelo comprador não esteja esgotada.

A venda deste primeiro lote será limitada por CPF, a fim de evitar a ação de cambistas. Cada pessoa poderá comprar até quatro entradas inteiras e uma meia. Além dos shows, o ingresso dá acesso a todas as atividades do evento: roda-gigante, montanha-russa, kabbon, tirolesa, shopping com 30 lojas, Rock Street com shows de jazz, Espaço Moda com desfiles, Eletrônica, Placo Mundo e Sunset.

Fonte: Uol

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Katy Perry usa vestido colado em show fechado nos EUA

Famosa por seus vestidos nada comportados, Katy Perry não improvisou na noite dessa segunda-feira (8), em Nova York, nos Estados Unidos. A cantora participou de uma festa fechada usuários de uma marca de telefonia americana e contou com o lançamento de um aparelho.

Seguindo conceito de seu álbum mais recente, o badalado Teenage Dream, a cantora usou um vestido com desenhos de doce e exibiu muita elasticidade nas coreografias no palco.

Participando do mesmo evento, mas na outra costa do país, a banda Maroon 5 se apresentou em São Francisco.

Fonte: Terra

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Agenda realizada D.J. David e Equipe - Outubro 2010




Agenda realizada DeeJay David e Equipe, Outubro 2010

* 02/10 - Evento Mundial do Meio Ambiente da Norsa/Coca Cola na Lagoa das Bateias, Vit. da Conquista - BA
* 07/10 - Inauguração da Academia Spaço Saúde na Av. Olivia Flores, Vit. da Conquista - BA
* 08/10 - Festa do Dia das Crianças no Colégio Paulo VI, Vit. da Conquista - BA
* 08/10 - Festa do Dia das Crianças no Educandário Padre Gilberto, Vit. da Conquista - BA
* 09/10 - Locação de equipamentos para palestra, Vit. da Conquista - BA
* 12/10 - Festa do Dia das Crianças na A.A.B.B., Vit. da Conquista - BA
* 12/10 - Festa do Dia das Crianças no SESC, Vit. da Conquista - BA
* 15/10 - Som na Pça. 9 de Novembro para o SESC, Vit. da Conquista - BA
* 16/10 - Níver 15 anos de Alice no Mediterrâneo Eventos, Vit. da Conquista - BA
* 16/10 - XIV Festa do Carrasco no Rafick, Vit. da Conquista - BA
* 17/10 Sonorização e Apresentação do Top Model SESC, Vit. da Conquista - BA
* 21/10 - Locação de TV´s LCD 42 Full para evento da ADAB na Coopmac, Vit. da Conquista - BA
* 22/10 - Desfile com produtoa recicláveis no Shoping Conquista Sul, Vit. da Conquista - BA
* 22/10 - Som na Pça. 9 de Novembro para o SESC, Vit. da Conquista - BA
* 23/10 - Níver 3 anos de Letícia e 5 anos de Artur no Espaço Tak Park, Vit. da Conquista - BA
* 24/10 - Deejay David e DJ Anndré no churrasco da Norsa/Coca Cola no sítio Lagoa das Flôres, Vit. da Conquista - BA
* 24/10 - Níver de 8 anos de David no Espaço Esfirra Chic, Vit. da Conquista - BA
* 24/10 - Sonorização do Projeto Palco Itinerante no auditório do SESC, Vit. da Conquista - BA
* 26/10 - Locação de 4 TV´s LCD 42 Full, Datashow, Distribuidores, Estruturas e Operador para coquetel de inauguração do G. Barbosa, Vit. da Conquista - BA
* 29/10 - Festa de Halloween da terceira idade no SESC, Vit. da Conquista - BA
* 29/10 - Níver de Márcio no Salão de Eventos do Bem Querer, Vit. da Conquista - BA
* 30/10 - Níver 12 anos de Gabriela em residência, Vit. da Conquista - BA
* 30/10 - Níver 15 anos de Laís em residência, Vit. da Conquista - BA
* 30/10 - Níver 50 Anos de Ebiner no Sitio 3 Marias, Vit. da Conquista - BA

Black Eyed Peas encerra turnê brasileira com o fino do pop em SP

Existem bandas que você nem precisa ter um comprado um CD ou baixado uma música para conhecer todo o seu repertório. É o caso do Black Eyed Peas. No auge de sua forma, o quarteto americano encerrou na noite desta quinta-feira (4), em São Paulo, uma maratona de nove apresentações pelo território brasileiro. Durante 2h15, Will.i.am, Apl.de.ap, Taboo e Fergie transformaram o estádio do Morumbi em uma grande balada com mais de 25 músicas (leia-se: hits) de autoria própria ou covers.

O grupo subiu ao palco pontualmente às 22h com “Let’s get started” e fez um set list semelhante ao dos outros concertos nacionais, com uma ou outra improvisação de Will.i.am, a alma do grupo de maior sucesso da música pop dos últimos seis anos. Afinal, quem se pode dar ao luxo atualmente, com menos de dez anos de carreira, de enfileirar uma sequência inicial que inclui petardos do calibre de “Rock that body”, “Meet me halfway”, “Don’t phunk with my heart”, “Imma be”, “My humps”, “Hey mama” e “Mas que nada”? – essa última, acompanhada de 15 passistas
de escola-samba.

Apesar dos gritos e olhares masculinos serem todos – merecidos - para Fergie, Will.i.am é o maestro que conseguiu transformar a banda nesse fenômeno musical, que surgiu como grupo de hip & hop e hoje é de electro. Carismático em sua divertida roupa de andróide, que em certo momento do show parece um encontro do Robocop com O Exterminador do Futuro, ele rege a plateia e dispara todos aqueles lugares comuns de artistas internacionais que fazem show por aqui sem soar piegas.

E olha que o show do Black Eyed Peas é brega! Taboo faz mais o gesto de coração com as mãos que os garotos do Restart, Will.i.am toca uma keytar, aquele teclado-guitarra que foi ícone das boy band nacionais dos anos 1980, e dentre as fantasias das sete dançarinas que participam do show há uma de caixa de som à la “Transformers”. Fora os figurinos usados por Fergie, que fazia as mais fashionistas torcerem o nariz.

Mas se existe um gênero que permite coros ensaiados e glitter e raio-laser em excesso, esse gênero é o pop.

Figurantes de luxo

Até os seus primeiros 50 minutos, o show tem o máximo de decibéis possíveis e passa rápido. Depois, durante mais de meia-hora, é o momento em que cada um dos integrantes tem direito a uma apresentação solo, quase uma competição de talentos. É aí é que se percebe que o quarteto é uma dupla.

Apl.de.ap é somente um ótimo dançarino, enquanto Taboo tem zero de carisma – sua performance de “La paga”, em que divide um suposto link ao vivo com o cantor colombiano Juanes é o momento mais chato da apresentação.

Por outro lado, Fergie, a duquesa, mostra que tem bala para seguir carreira solo e se dá ao luxo de incluir no repertório do show sucessos do álbum “The dutchess”, como “Fergalicious”, “Glamorous” e a balada “Big girls don’t cry”. E ainda faltaram “London bridge” e “Clumsy”...

Já Will.i.am brinca de MC, diz que vai comprar casa no Rio e apartamento em São Paulo, faz discurso político pró-Lula ("o Brasil mudou muito desde que eu vim pela última vez há cinco anos. Vamos abençoar a nova presidente para este país se tornar o melhor do mundo nos próximos cinco") e satiriza o sotaque brasileiro enquanto dá show em um DJ set em cima de uma pick-up que chega às alturas.

Em um live farofa-mas-divertido, que misturou Guns n’ Roses, Michael Jackson, Blur, Eurythimics e Red Hot Chili Peppers, ele transformou a casa do São Paulo Futebol Clube em uma grande festa, animando até quem esteve na arquibancada mais distante do palco.

O clima se manteve assim até o final do show, com “Pump it”, “Shut up”, “Where’s the love?”, “Boom boom pow” e, claro, “I gotta a feeling”, que contou até com uma pequena referência à “Rap das armas”.

Nem precisava: o Black Eyed Peas já estava com tudo dominado há muito tempo.

Por Gustavo Miller
Foto: Daigo Oliva/G1
Fonte: G1

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Roxette fará quatro shows no Brasil em 2011, segundo site oficial

A dupla sueca Roxette vai se apresentar no Brasil em abril de 2011. Segundo comunicado em seu site oficial, a banda faz quatro shows no país.

A primeira apresentação acontece em Porto Alegre, no Pepsi On Stage, no dia 12. Depois, no dia 14, a dupla toca no Credicard Hall, em São Paulo e, no dia 16, no Citibank Hall, no Rio de Janeiro. Por fim, o Roxette encerra a sequência de shows no dia 17 no Chevrolet Hall, em Belo Horizonte.

Formado por Marie Fredriksson e Per Gessle, o Roxette fez muito sucesso entre os anos 80 e 90 com hits como "The Look", "Joyride" e "Listen to Your Heart". Após hiato iniciado em 2002 por conta de um tumor no cérebro de Marie Fredriksson, o duo voltou aos palcos em 2009.

Ainda segundo o comunicado no site, esta será a primeira turnê mundial do Roxette desde 1995. O grupo também planeja lançar um disco de inéditas no primeiro semestre de 2011. "Room Service", de 2001, é o álbum mais recente da dupla.

Fonte: Uol

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Panasonic encerra fabricação de toca-discos para DJs

A fabricação de toca-discos, mixers e fones de ouvidos da série Technics terão produção encerrada pela Panasonic, segundo anúncio da própria companhia nesta segunda-feira (1º). A companhia não informou se vai retirar a marca Technics do mercado, contudo.

A companhia disse que a decisão foi tomada porque músicos e DJs estão adotando, cada vez mais, o formato da música digital, tanto para misturar quanto para executar músicas.

"A Panasonic decidiu acabar com a produção pelo declínio da demanda por estes produtos analógicos, e também pela crescente dificuldade de encontrar componentes analógicos fundamentais para manter a produção", disse um porta-voz da companhia ao jornal "Tokyo Reporter".

Os toca-discos da Technics foram, durante muito tempo, instrumentos fundamentais para DJs --sobretudo o modelo SL-1200, cujas vendas chegaram a 3,5 milhões desde o seu lançamento, em 1972.

Na semana passada, a Sony anunciou que interromperia a produção e venda de walkmans no Japão.

As informações são do jornal "The Telegraph".

Fonte: Folha.com