Rubenildo Metal: Sindicato dos Comerciários e cratera, destaques do elevador desta semana

Sindicato dos Comerciários e cratera, destaques do elevador desta semana

Elevador

Em Alta:

Trabalho Sim! Exploração Não!

Junho é um mês aquecido para o comércio em geral por conta das festividades de São João. Para atender a grande demanda o comércio precisa funcionar em horário diferenciado, o que exige da entidade sindical que defende o comerciário e do Ministério do Trabalho uma atenção redobrada no período.

Se de um lado a demanda de consumo e vendas aumentam, do outro, a exploração do trabalhador por parte do patronado, vergonhosamente se intensifica nessa época.
“Preservar a dignidade, a integridade e a qualidade de vida do trabalhador é uma das metas do Sindicato. Para coibir a exploração do trabalhador nesse período, já acionamos o Ministério do Trabalho para que este aumente a fiscalização”, ressalta o presidente do Sindicato do Comerciários , Gilmar Ferraz.

O Sindicato tem tomado medidas enérgicas, no sentido de coibir toda e qualquer exploração de horário que não tenha sido firmado em acordo, para que não haja redução dos horários de almoço, e, sobretudo, para que as horas extras sejam pagas em conformidade com a lei. “É preciso evitar que o trabalhador seja lesionado, ao ponto de perder o seu direito de lazer e de participar das festas comemorativas do mês”, conclui o advogado da entidade sindical da categoria comerciária, Gil Sala.

http://www.comerciarioconquista.com.br/v2/index.php?option=com_content&view=article&id=410:trabalho-sim-exploracao-nao&catid=34:noticias&Itemid=76

Em Baixa:

Cratera em via pública prejudica moradores

No final da Rua Augusto Seixas, que inicia no cruzando com a Siqueira Campos, Bairro Recreio, até o Conquistinha, cortando a Rua Hostílio de Carvalho, em Vitória da Conquista, uma cratera, próxima a Biblioteca Municipal, há mais de 15 anos prejudica a saúde e o bem estar de moradores da circunvizinhança, com propagação de germes patogênicos, odores fétidos, animais peçonhentos, insetos hematófagos, lixo, iminência de perigo, além de habitat para o mosquito da dengue.

No ano 2008, uma reunião de moradores com a Prefeitura Municipal, ficou acertado o prolongamento imediato do canal de desvio pluvial, por 70 metros, e pavimentação, o que não aconteceu. Preocupados com o sério problema, acionaram o Movimento Contra a Morte Prematura – MCMP, onde a Madame Jamorri, incorporada no ambientalista André Cairo, fez um protesto, alertando a PMVC para providências urgentes, evitando a apreensão, problemas psicológicos, preocupação, perdas e danos, mal estar dos moradores etc.

O MCMP já dispõe de um Dossiê que será entregue ao Prefeito Guilherme Meneses, solicitando providências urgentes e enérgicas, na possibilidade outras ações que se fizerem necessárias. Finaliza Cairo, constrangido e indignado com a agressão ambiental.

http://www.blogdaresenhageral.com.br/v1/2011/06/17/cratera-em-via-publica-prejudica-moradores/